terça-feira, 10 de julho de 2018

Resumo da semana ( em actualização)


Os deputados que chumbaram a proposta de Lei do PAN para acabar com as touradas, não foram os mesmos que há uns meses aprovaram uma Lei que permite a entrada de cobras, ratos ou saguis em restaurantes, pois não?
A judicialização da política a que vimos assistindo no caso Lula da Silva não nos deve preocupar, porque é um problema exclusivo do Brasil, não é verdade? Continuemos a acreditar em contos de fadas, na independência dos juizes e que só há democracia com juizes independentes que só podem ser julgados pelos seus pares e daqui a uns tempos vamos ter uma surpresa.
Eu sei que houve outras notícias relevantes,mas não me apetece perder tempo com elas. Até porque na última semana também houve boas notícias... Apenas dois exemplos:
Neymar saiu do Mundial da Rússia, onde foi pena ter chegado, porque só prejudicou a selecção brasileira com as suas cenas de telenovela.
Ficamos ainda a saber que a presidente da Croácia vai ver os jogos da sua selecção equipada a rigor, paga as suas viagens e mete dias de férias quando vai apoiar a selecção. No jogo contra a Rússia sentou-se na Tribuna de Honra, a convite de Medvedev, mas não é certo que faça o mesmo no jogo das meias finais, porque nos jogos anteriores sentou-se sempre nas bancadas entre os adeptos.
Eu nem quero especular sobre as críticas que alguma comunicação social, apoiada por uma certa oposição faria, se o nosso PR ou PM tivessem idêntica atitude, mas estou a imaginar a galhofa nas redes sociais.
É preferível ficar-me por aqui, para manter a serenidade.
Tenham uma boa semana.
Em actualização: ficamos agora a saber que o juiz Sérgio Moro está em Portugal e que foi desde aqui que ontem, domingo, "sentenciou" que a decisão de um juiz de um tribunal superior era ilegal. Para República das Bananas, o Brasil não está nada mal. Para país que queira ser levado a sério, ainda tem um longo caminho a percorrer.