sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

São precisos dois para dançar o Tango




Joana Marques Vidal lamentou as  notícias que têm vindo a público nos últimos dias sobre processos judiciais em curso e não se coibiu de acusar os jornalistas por  explorarem estes casos.
Em primeiro lugar quero aplaudir a PGR por, finalmente, se ter manifestado sobre as fugas de informação. 
Lamento, porém, que só agora o tenha feito, pois já há muito tempo devia ter tomado posição sobre o assunto. (Nomeadamente quando Sócrates foi preso à saída de um avião, diante de jornalistas previamente avisados).
Por outro lado, Joana Marques Vidal devia saber que se as fugas de informação acontecem, é porque há alguém, nos meandros da Justiça, que está interessado nisso.
Nunca se esqueça, senhora Procuradora, que são precisos dois para dançar  o tango.

1 comentário: