sábado, 17 de fevereiro de 2018

Lição da Semana

Se cada utilizador/a das redes sociais, em vez de publicar fotos de filhos e netos, se dedicasse de corpo e alma à causa ambiental, escrevesse e partilhasse textos sobre  sustentabilidade, não correria o risco  de vir a ser acusado/a por essas mesmas crianças, de nada ter feito para lhes deixar um planeta  saudável em que fosse agradável viver.

13 comentários:

  1. Sobre este assunto, um video que é muito esclarecedor sobre a rapina de recursos naturais, capitalismo selvagem, globalização e ética, ou falta dela.
    Um video que deveria ser mostrado e alvo de estudo nas escolas, para trazer á evidencia a diferença entre ser e ter, entre dizer e fazer.

    Como canta o musico -" Partilha o afecto porque há sempre alguém que tu
    ajudas,
    Espalha a verdade porque há sempre alguém que tu
    educas,
    Denuncia o mal porque há sempre alguém que te escuta
    mano,
    Há sempre alguém que te segue quando acreditas na
    luta,
    Muda tu o mundo não fiques à espera de Deus,
    O mundo muda a cada gesto teu,o mundo muda a cada gesto teu

    Há uma frase paradigmática desta grande personalidade, que diz no video - "È preciso estar brutalizado para que se tente acumular os recursos de outros".

    Imperdivel.

    ResponderEliminar
    Respostas


    1. já agora convinha mandar o link :-))

      https://vimeo.com/45069821

      Eliminar
    2. Obrigado pela partilha, chakra indigo.Excelente.

      Eliminar
  2. Qual é o partido político português que se dedica de corpo e alma à causa ambiental? O Bloco de Esquerda!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nao será o único, (o PCP e os Verdes também têm compromissos ambientais) mas, como já aqui escrevi, o BE tem tomado posições muito importantes. Como no caso da tentativa de proibir as descargas, em que ficou isolado. Ter-se-ia evitado o desastre no Tejo. Também em matéria florestal o BE tem ideias e posições claras, mas não tem sido acompanhado . Um dia os portugueses perceberão que a razão está do lado do BE.

      Eliminar
  3. Pouco se salva do ambiente a escrever e partilhar textos. Entre a teoria e a prática vai uma distância considerável como se pode observar no resultado de cimeiras inúmeras. Isto além de o tema se tornar aborrecido. Se acaso fosse lido. Há quem garanta que texto com mais de seis a sete linhas leva likes sem leitura :).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo consigo em quase tudo, até porque há mais de 40 anos que falo e escrevo sobre os problemas ambientais e sei que devíamos ter evoluído muito mais nesta matéria. Mas se nada se fizer para colocar as questões ambientais na ordem do dia, Bea,seremos responsáveis pela escassa qualidade de vida das gerações vindouras.

      Eliminar
    2. Quanto ao tamanho dos textos, também tem toda a razão, mas recuso-me a enfileirar na onda dos textos curtos. Caso contrário, já teria abandonado a blogosfera há muito e dedicava-me ao FB e ao Twitter.

      Eliminar
    3. E eu que o diga! Mas o FB está a perder adeptos e até no twitter já duplicaram os caracteres. Quem põe gostos sem ler é pateta e não interessa. Hoje já são os filhos que educam os pais. Eu não me penitencio de nada. Como fui criada no Algarve com pouca água, hoje até a água da chuva aproveito, paras plantas, lavagens de quintal e quando era muita até na casa de banho. este ano não tem dado para nada.
      Carlos e para que serve o PAN? O BE só tem feito aproveitamento político do caso, mas não denunciou as causas, só fez criticas, e isso é fácil. Agora mandar nas celuloses e no poder do capital dono de certos media é mais difícil. Este governo reduziu para metade as descargas que os outros tinham aumentado. O problema é que as fiscalizações não têm força e nem eles deixavam tirar amostras. Até conseguiram que fosse decretado e cumprido o segredo de justiça...

      Eliminar
  4. Este é um tema muito delicado, assusta-me como será o planeta daqui a uns anos :((

    Beijinho meu amigo Carlos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viu a série da RTP 2077- 10 segundos para o futuro, Adélia?
      Está lá tudo e é aterrador.

      Eliminar
  5. Meu caro Carlinhosamigo

    Conjugaste a grande Elis Regina com o ambiente e que bem o fizeste! Está claro que estamos a jogar o futuro para os nossos descendentes e eles vão julgar-nos pelo que nós lhes deixar-mos.

    É uma coisa complexa e dramática, prever o futuro que que não é o destino, muito menos o fado ou a sorte é apenas o... futuro.

    E não nos podemos fingir ou fazer como Pilatos, não é nada connosco, lavar as mãos, por que é, porque temos de assumir. Ponto.
    Um abração deste teu amigo
    Henrique, o Leãozão

    ResponderEliminar