quinta-feira, 6 de julho de 2017

Reloj no marques las horas

Quando vivia em Macau,comprei um relógio que tinha um botão que  permitia mudar os canais. Era só ver a marca do televisor, carregar numa tecla e escolher o canal pretendido.
Quando cheguei a Portugal preguei algumas partidas em casas de amigos, mas o que mais gozo me dava era fazê-las, à socapa, em bares e restaurantes. 
O relógio entretanto avariou.
Quem me dera agora ter um relógio que mudasse os discursos de alguns lideres partidários. E, já agora, de alguns comentadores e tipos a soldo com carteira de jornalista...

5 comentários:

  1. Também comprava um desses... eh eh eh....
    Alguns alunos lá na "minha escola" também tinham relógios desses e faziam partidas dessas...

    Quando li o título, pensei que vinha aqui ouvir essa magnifica canção «reloj no marques las horas»... bem linda era!

    ResponderEliminar

  2. Também pensei no Antonio Prieto, e no filme "A noiva" que vi em reprise na desaparecida esplanada de S. Luís Parque, em Faro, numa linda noite estrelada de verão. Duas maneiras de sonhar...Até recordo o lugar em que estava sentada...

    ResponderEliminar
  3. Onde é que comprou o relógio??
    Estou interessado em comprar um igual.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comprei numa loja de artigos electrónicos na Rua do Campo, perto do Watson, Pedro.

      Eliminar