quarta-feira, 8 de junho de 2016

A onda amarela

Quando ouço as canárias amarelas  gritar que vão ser  vítimas do maior despedimento colectivo da história da democracia, poderia retorquir perguntando onde estavam  quando o governo Passos/ Portas despediu dezenas de milhares de professores e funcionários públicos  para pagar aos colégios privados com  dinheiro poupado em salários.
Mas como o mais provável era responderem-me "com o mal dos outros posso eu bem" ou " que se lixem os malandros dos funcionários públicos", opto por lhes responder com este rap

4 comentários:

  1. ~~~
    MUITO BEM! MUITO BEM, CBO!
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

    ResponderEliminar
  2. ...e como se chama a quem vive a exigir dinheiro a "rameiras"? Que linguagem mais abjecta!

    ResponderEliminar
  3. quando cheguei à parte do "com o mal dos outros posso eu bem", eu estava à espera de encontrar o mais colorido "pimenta no c* dos outros, para mim é refresco" =)

    ResponderEliminar