sábado, 19 de dezembro de 2015

Não, senhor primeiro ministro...

Não me pareceu nada boa ideia a sua declaração em Bruxelas sobre a possibilidade de o governo fazer reverter a venda da TAP, contra a vontade dos donos. É que embora considere vergonhoso o comportamento dos larápios que venderam a TAP à má fila, quando já não tinham sequer o direito moral de o fazerem, estou em crer que recuperar a TAP, custe o que custar, vai ser bastante oneroso para os contribuintes portugueses.
Se estivesse no seu lugar, daria muita atenção a este artigo do insuspeito Nicolau Santos, antes de partir para uma guerra judicial que muito provavelmente terá consequências funestas para o bolso dos contribuintes e em nada contribuirá para aumentar a confiança dos investidores.

5 comentários:

  1. ~~~
    ~ Eu não daria conselhos...

    ~ AC tem uma boa equipa de economistas e gestores...

    ~ Depois, há 'a curto prazo' e 'a longo prazo'...
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

    ResponderEliminar
  2. Sobre este aspecto gozaram com Costa e as afirmações que ele tem feito, a torto e a direito. Não acredito que sendo Costa um homem de acordos tenha feito estas declarações sem ter grandes trunfos na manga além das suas convicções. Ele tem de defender a dignidade do Estado perante aquilo que foi feito. Em qualquer caso os contribuintes pagarão sempre, quando estes senhores comerem a fazer despedimentos e a preparar a companhia para ter lucros, porque eles não vieram para fazer caridade.

    ResponderEliminar
  3. Não li o NS porque me recuso a comprar o ESGOTO do balsemão,
    mas sempre lhe digo, SALVO RARÍSSIMAS EXCEPÇÕES, nunca leio jornalistas de jornais ou revistas sem saber quem é a mão que lhe dá de comer.
    É que por vezes convém compor o ramalhete...

    Nota - leio sempre o seu blogue, senti a sua falta.

    duarteO

    ResponderEliminar
  4. Ouvi o Primeiro e adorei o modo como falou da TAP. Pelo olhar e convicção , acredito que sabe mais do que nós . oxalá.
    Tal como o anónimo anterior , senti a sua falta e desejo boa saúde , para lermos os seus comentários tão certeiros e tão actuais.
    M.A.A.

    ResponderEliminar
  5. Concordando com duarteO, é bem verdade que já não temos nem jornais, nem revistas, nem programas, salvo alguns com convidados especiais, que se possa ler ou ouvir. O Expresso nunca desceu tão baixo, desde que para lá foi o RC. A TSF e a Visão, também estão pelas ruas da amargura. Para mim, neste momento, sabendo donde vem, tem mais crédito a RR.

    Esta semana alguém digna de crédito fez o comentário, na minha página do FB, que a seguir colo, porque desconhecia esta situação, embora sempre achasse que CC foi uma vítima por vários motivos (e num debate desta semana ainda fiquei mais convicta). Parece que não vem a propósito mas tudo está interligado.

    Maria Helena Guimarães


    16/12 às 15:46 ·


    "Já estou um bocado farta do Processo Marquês. Quando as coisas correm mal para os Pafientos lá vêm com qualquer merda. Toda a gente sabe que Sócrates foi um excelente PM, é um orador ( como dizia ontem um opositor) dos melhores do País, um lutador sem paralelo no nosso país, uma figura política que teve todo o apoio da Europa de Merkel, sem deixar o país subserviente. Um homem que colocou Portugal na frente quer a nível de Saúde, das tecnologias, das energias, da rede viária, da luta contra a pobreza, da Educação, da Investigação. Toda a gente sabe, quem leu o que foi escrito por um jornalista da direita _ hoje director do Observador on line David Dinis - que a entrada da Troika em Portugal tem três nomes - Cavaco, Passos e Marco António - e deveu-se à orfandade do PSD dos lugares dos boys.
    Carlos Cruz foi acusado e fez o seu inferno porque "papou" a mulher de Pinto Balsemão - é público - não há que dizer que não. Pergunta-se: qual foi o "pecado" primeiro de Sócrates? Ser bom? Ser um político que ainda hoje move e faz mexer a política nacional, ou outro "pecado" mais privado de que não se sabe a origem? Não me parece.
    Não foi dinheiros. Deve ter a ver com um espinho mais profundo, na existência de alguém. Quem????"

    ResponderEliminar