terça-feira, 29 de dezembro de 2015

Acontecimento nacional do ano

A expulsão dos talibãs

Depois de quatro anos e meio de terror, o governo de talibãs foi finalmente deposto, mas dificilmente os portugueses esquecerão as vicissitudes a que foram sujeitos por aquele grupo de fanáticos que assaltou o poder.
Eles mataram, saquearam, delapidaram o património e roubaram os pobres para dar aos ricos
 Tudo fizeram invocando o nome da santa troika, com a cumplicidade do cobrador de impostos Hannibal e o aplauso de um tiranete paraplégico.
Mas atenção! Os talibãs foram expulsos mas deixaram o país armadilhado, por isso, só poderemos respirar de alívio quando for desmontada a última mina que os terroristas colocaram no terreno. Até lá, ainda teremos de lamentar mortos e feridos. Seja em hospitais, seja no assalto a bancos, ou em empresas oferecidas pelos talibãs a amigos, à revelia de todas as leis em vigor quer em Portugal, quer no espaço comunitário.

6 comentários:

  1. ASSINO POR BAIXO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
  2. Com a devida ressalva às vítimas dos verdadeiros talibãs, não podia concordar mais consigo...

    Beijocas

    ResponderEliminar
  3. Oi Carlos
    Passando pra deixar meu abraço e desejar um Ano muito bom com muita muita saúde! E quanto aos 'talibãs'( eles estão por todo lad0,ainda),espero que sejam banidos totalmente da face da terra. Aqui andam ainda ás soltas...
    grande abraço ao amigo

    ResponderEliminar
  4. Não sei se será verdade que dificilmente «os portugueses esquecerão as vicissitudes a que foram sujeitos por aquele grupo de fanáticos que assaltou o poder.» Se assim fosse, não teriam voltado a dar-lhes o seu voto... Muito decepcionada... Muito descrente...

    ResponderEliminar
  5. Vamos ver no que é que dá a "Primavera Tuga"....

    ResponderEliminar
  6. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar