segunda-feira, 27 de abril de 2015

Um momento de inspiração



António Costa disse que a coligação é um casamento de conveniência, mas não apresentou um fundamento credível.
Eu  já tinha escrito isso em 2012, mas  apresentei um fundamento : Pedro e Paulo inspiraram-se  no casamento de duas figuras bem conhecidas.

1 comentário:

  1. Estava convencido que a união só teria lugar após as eleições.
    Enganei-me.
    Juntos para fazer render mais o peixe?
    Acredito que sim.
    Vamos ver se resulta.
    Ainda tenho dúvidas.
    Há muita gente no PSD que não suporta o Paulinho.....

    ResponderEliminar