quinta-feira, 30 de abril de 2015

Baltimore: o lado B


Toya Graham's esbofeteou em público o filho de 16 anos, porque estava a protestar nas ruas de Baltimore.  
O video já é um sucesso nas redes sociais e até a polícia aplaudiu.
Porreiro, pá, mas se a mulher tivesse esbofeteado o filho por este lhe faltar ao respeito e um vizinho a denunciasse à polícia, estaria agora em maus lençóis, acusada de maus tratos a menores. 

2 comentários:

  1. Assino por baixo, amigo!!

    O cinismo impera e nos EUA, então, reina despudoradamente !

    Fica bem

    ResponderEliminar
  2. Já é considerada a mãe do ano mesmo que tivesse pronunciado palavrões enquanto o perseguia e o esbofeteava.
    Uma mãe que valoriza a educação (ensino) e que o avisou para não faltar às aulas e para não participar nas manifestações.
    : )

    ResponderEliminar