quarta-feira, 25 de março de 2015

Portugal no coração

Os primeiros autocarros com estudantes  finalistas já arrancaram em direcção a Espanha na sexta feira e ainda não vi reportagens sobre bebedeiras de caixão à cova, nem rixas, nem pinocadas nas discotecas e piscinas dos hotéis. Ou os jornalistas andam distraídos, ou os estudantes  estão em má forma. A única coisa que se arranjou até ao momento foi esta pinderiquice

5 comentários:

  1. Quase 5 gramas de haxixe em 182 autocarros? Que crime hediondo! Assim por alto, isso dá 0,027 gramas em cada um... Vão passar as férias completamente ganzados! :)))

    Beijocas

    ResponderEliminar
  2. A operação de controlo de bagagens nos autocarros devia envergonhar a policia e indignar-nos a todos. Porque é que os miudos têm de ser tratados como delinquentes ? Ademais: achará a policia que se quiserem curtir uns charros não há ninguém que lhes venda erva nos destinos para onde se deslocam ? Simplesmente ridiculo !

    MRocha

    ResponderEliminar
  3. São depois estes mesmos estudantes que daqui por uns anos andam a exigir redução ou mesmo abolição de propinas. Desculpem-me a linguagem, mas para a merda da droga e para viagens completamente fúteis há dinheiro, para o resto, a crise já tem as costas largas.

    ResponderEliminar
  4. Posso subscrever o comentário da Teté??
    Que pedrada, man!!! :)))))

    ResponderEliminar
  5. Os jornalistas estão com os cofres cheios e foram de férias para a Grécia :-))

    ResponderEliminar