terça-feira, 17 de março de 2015

A Era do Desperdício

A sociedade de consumo educou-nos para o desperdício, para a febre da novidade, para o culto do "TER" em vez do "SER".
Mas quando o desperdício ultrapassa os limites do tolerável, é altura de dizer "BASTA!"

3 comentários:

  1. Esta é a mais absoluta estupidez que o ser humano nos dias que correm consegue, Carlos.
    Atira alimentos fora quando há milhares de pessoas condenadas ao mais horroroso dos males - a fome.

    ResponderEliminar
  2. Esta é das coisas que mais me revolta me causa, revira-me verdadeiramente as entranhas. Basta ir ao um restaurante, sobretudo se for um self-service de uma grande superfície e ver a quantidade de comida que as pessoas deixam nos pratos, às vezes mal tocam na comida.
    Os meus país educaram-me dizendo que desperdiçar comida era não só pecado, como uma falta de respeito por quem no mundo não tinha dinheiro para comprar essa mesma comida. Por isso desde cedo fui obrigado sempre a comer tudo até ao fim e a não deixar nada no prato. Se tenho pouco apetite, sirvo-me pouco, não estrago comida.
    Hoje sou pai de uma filha e ensino-a exactamente da mesma maneira.

    ResponderEliminar