sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

Descubra as diferenças

O que mudou nas mensagens de Ano Novo de Cavaco, desde que a dupla Coelho/ Portas se alambazou com o pote?


Cavaco 2012



Cavaco 2013


Cavaco 2014


Cavaco 2015


A gravata e,em 2015, aquela fotografia do lado direito.Repare-se também,que a cortina  atrás dele desapareceu.
Tudo o resto foi sempre um apoio descarado ao governo, que meteu mentiras, ataques á oposição,perjúrios, falta de vergonha e imbecilidade.
Entre o Thomaz Cabeça de Abóbora e o Aníbal Alcagoita, venha o Diabo e escolha.


7 comentários:

  1. Excepto a gravata e alguns pormenores no 'décor', nada de novo em Belém.
    Que tristeza de PR!!!

    ResponderEliminar
  2. Preferia o Thomás; era menos cínico...

    ResponderEliminar
  3. Um governo,uma maioria e um presidente mastiga,deu nisto:um tempo sem decência,um país de cócoras,instituições sem prestígio nem credibilidade,um futuro sem esperança com um amanhã em fundo cheio de nuvens negras a anunciarem Trovoadas,chuvas fortes e ventos tormentosos!E eles,os senhores da farsa,da indigência,da filho da putice organizada,dos despudorados assassinos de vidas a gritarem-nos a plenos pulmões:que a vida é bela,que o céu coberto de azul é de uma beleza rara,que o sol brilha para nos aquecer a existência no paraíso por eles construído e que nós,o povo,ingratos e mal agradecidos,não conseguimos ver os efeitos do seu brilhante trabalho, desenvolvido a benefício do bem comum.Nem tão pouco somos sensíveis ao prazer e felicidade que as crianças irradiam no seu saltar,cantar,correr e brincar nos jardins e praças das nossas cidades,vilas e aldeias.Não percepcionamos o brilho nos olhos dos mais idosos, efeito produzido pela profunda felicidade que os habita resultante do quanto é bom ser-se velho em Portugal no tempo que corre.Na forma como o trabalho é digno e gratificante.Como a redistribuição da riqueza produzida é feita no estrito respeito pela solidariedade entre todos.Como a saúde,a educação e a habitação,existem para todos sem discriminação de tipo algum.Como um Presidente da República eleito,abdica das suas chorudas Pensões a troco do salário,significativamente inferior, atribuído ao cargo.


    De facto,vivemos o tempo dos Selvagens:No governo,Na maioria e na presidência!!!

    ResponderEliminar
  4. De facto , venha o diabo e escolha. Como diz o comentador anterior , " vivemos o tempo dos selvagens " , dos oportunistas , sem lata sem coração e sem dignidade.. Desde que outro dia vi um vídeo de um macaco a reanimar um seu amigo electrocutado ,aquela cena foi para mim tão violenta pela positiva que , penso os animais são mais humanos e sensíveis que estes pavões mal cheirosos que à custa de donativos chorudos de D. Vito e Corloeone chegaram onde chegaram enganando quem estupidamente se deixou enganar..Possìvelmente os donativos serviram para oferecer aventais...isqueiros...e chocolatinhos fora de prazo.
    M.A.A.

    ResponderEliminar
  5. Não gostei do blazer, da gravata e do fundo do Cavaco de 2015. Tudo o resto pareceu-me mais ou menos semelhante.

    ResponderEliminar
  6. Uma coisa mudou definitivamente, o semblante; de uma falsa preocupação com o bem estar do povo de que um dia fez parte, qual arma de arremesso para os tótós, para um disfarce da realidade do país para qual terá fortemente contribuído; Está bem espelhado na última foto; Um susto!

    ResponderEliminar