segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Da boçalidade dos láparos

Pedro Passos Coelho deu mais uma vez prova da sua boçalidade encapada em maneirismos de gente fina, ao comparar a educação com uma fábrica de salsichas
Já sabíamos que para PPC a educação é um negócio que deve ser tratado como qualquer linha de montagem de uma fábrica, mas  o homúnculo podia ser mais comedido na sua verborreia de bácoro da Mealhada.
Eu, com a boçalidade que me caracteriza, sugiro ao pm que meta as salsichas no seu próprio Citius. Se não conseguir sozinho, peça ajuda à Paula Teixeira da Cruz.
Aviso: se quiserem dar umas boas gargalhadas liguem para a RTP 1 e assistam ao Prós & Contras. Está uma sala inteira a rir-se com as petas do sec estado da justiça, a propósito do outro Citius.

4 comentários:

  1. Penso que atinge o nirvana. Já nada me consegue admirar, a "normalidade" é isto.
    Que fazer? Mas há alguma coisa que possa remediar esta triste realidade?

    ResponderEliminar
  2. Ninguém percebe o homem, carago!
    Está para sair um novo álbum dos Pink Floyd (Novembro).
    E ele lembrou-se de The Wall, do disco e do filme, e da fábrica de salsichas de Another Brick in Tthe Wall.
    Será que ninguém fala Passos Coelhismo???
    Aquele abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. De facto, Pedro! Uma bela de uma transmissão de pensamentos....

      Beijinhos

      Eliminar
  3. O homem , com aquele ar de...a falar de salsichas daquela maneira, que grosseiro.
    M.A.A.

    ResponderEliminar