sábado, 2 de agosto de 2014

A torta de Belém

Já tínhamos o pastel de Belém. Agora, temos a torta de Belém.
Incompatibilidades? Obviamente que não...

6 comentários:

  1. Agora nem o Espírito Santo nos vale! :(

    ResponderEliminar
  2. A doçaria portuguesa anda a perder doçura... Começa a deixar uns amargos de boca:-))

    ResponderEliminar
  3. :(((((
    (isto é um sorriso amarelo!)

    ResponderEliminar
  4. O link levou-me a perceber que perante qualquer situação, os comentários são abaixo de cão. Não os daqui, entenda-se, mas sim os que foram feitos sobre a notíicia no 'Diário Digital'.
    O invocado por Maria de Belém demonstra que não existe qualquer tipo de incompatibilidade.
    Dar pareceres determina uma avença de milhares de euros.

    ResponderEliminar
  5. E também temos o escavacado de Belém que de doce nada tem e nunca mais acaba...

    ResponderEliminar
  6. Esta meia leca, que começou a dar calinadas aqui na TDM, já fez um bocado de tudo.
    Sem, em bom rigor, saber fazer nada.

    ResponderEliminar