segunda-feira, 16 de junho de 2014

Venha o próximo!

Nada de desculpas. Foi mesmo pénalti, o Pepe foi bem expulso e não jogamos nada. Azar para o arbitro, foi não ter visto o pénalti claríssimo a favor de Portugal. Mas não se culpe o Arbitro,porque as culpas devem ser encontradas no seio da selecção. Ali se encontra a explicação para o fracasso.
Agora vamos ao que interessa:
Todos sabíamos que este jogo não era do nosso campeonato. A Alemanha tem uma excelente equipa e tem possibilidades de ir a final e vencer. O nosso Mundial começa no domingo. Se não conseguirmos ganhar aos americanos e aos ganeses, então não fomos fazer nada ao Brasil. Ou melhor, fomos fazer turismo. Como o Pires de Lima, que aproveitou esta época do Mundial para ir ao Brasil com uMa embaixada de empresários.

6 comentários:

  1. Foi uma desilusão, nem sequer um golo de honra!...e depois das baixas, veremos! Se os states só jogassem pa trás!.... ;)

    ResponderEliminar
  2. It is quite embarrassing... to say the least!

    ResponderEliminar
  3. É tão terrível o seu prognóstico. A mim,
    serviu-me uma derrota assim
    permitiu-me explicar na minha aula
    coisas difíceis de explicar em sala

    Eles viram e compreenderam

    ResponderEliminar
  4. A derrota com a Alemanha era previsível... Mas por tanto, não era expectável, pelo menos para mim!

    ResponderEliminar
  5. Esperemos não ter no Brasil uma reedição da Coreia/Japão

    ResponderEliminar
  6. Estou de acordo consigo em quase tudo, excepto nisto:
    «Todos sabíamos que este jogo não era do nosso campeonato».

    A Alemanha é o 2.º do Ranking da FIFA e Portugal é o 4.º ou 5.º. O que quero dizer com isto?
    Quero dizer que Portugal em teoria pode bater-se de igual para igual com qualquer selecção do mundo e por isso a sua afirmação não faz sentido.
    Também é certo que podíamos ganhar ou empatar, mas também perder, como aconteceu. O que custou foi o tamanho da derrota, demasiado pesada e com imensas contrariedades, como um penalty claro a nosso favor quando estava 3:0 que a ser assinalado e convertido, não daria um tom tão pesado a esta derrota, mais as lesões do Hugo Almeida e do Fábio Coentrão.

    A selecção vai ter de ser recuperada animicamente, porque tirando isso, mesmo tendo sido uma derrota pesada, foi apenas um jogo perdido, o que só por si não é dramático e é perfeitamente recuperável.

    ResponderEliminar