sexta-feira, 7 de março de 2014

Sabem qual é a diferença entre Relvas e uma hiena?


Olha que dois!


É simples. Nunca um cientista conseguiu encontrar explicação plausível para o riso da hiena. Já para explicar o riso de Relvas, bastou a jornalista Sónia Sapage escrever um artigo na “Visão” par ficar tudo muito  bem explicadinho.
Apesar de algumas truncagens e erros ortográficos, o artigo – onde não falta uma alusão sibilina mas não inócua ao blog Delito de Opinião-  é esclarecedor. Ficamos a conhecer (ainda) melhor Relvas, a perceber a sua idoneidade – presidente de uma organização que nem sequer existe-  e os objectivos de Passos Coelho quando decidiu recuperá-lo para a vida partidária.
Eu já sabia  que PPC era um homem honesto e explicara aqui as razões do regresso de Relvas à vida activa. Mas eu sou ingénuo e fiquei muito aquém da realidade. Relvas é um verdadeiro artista no circo da dupla Coelho/Portas.

3 comentários:

  1. Prometi a mim próprio não falar dos personagens, mas do que eles fazem. O "tiro ao boneco" é mera distração, quer queiramos, quer não... Mas sendo o regresso um acto, quebro esse meu pacto e digo: boa malha!

    ResponderEliminar
  2. Enquanto as pessoas se vão divertindo(divertindo???(...) )os SACANAS, vão fazendo o seu trabalho e o neo-fascismo instala-se.Entretanto,este pobre País e o seu Povo,definha e esvai-se...

    ResponderEliminar
  3. Deixe-me adivinhar quem são os palhaços desse circo... Os portugueses!

    ResponderEliminar