segunda-feira, 31 de março de 2014

Passos é viciado no jogo



O PM deve ser viciado no jogo.
Começou pelo Euromilhões, onde arranjou uma artimanha para ganhar sem jogar, sacando 20% aos apostadores que ganhem prémios acima de 5 mil euros.
A coisa começou a correr bem mas, desde que o Gaspar se foi embora, nunca mais saiu um Jackpot em Portugal.
Passos mandou então a Marilú jogar no bingo. Criou a factura da sorte para sacar informações sobre os contribuintes e ganhar mais uns cobres à pala do jogo paralelo praticado por muitos restaurantes e profissionais de diversos ramos. 
De seguida lançou a raspadinha e gamou 12% dos salários aos funcionários públicos.
Finalmente ( por agora) o Pedro veio dizer, depois de tudo isto, que a sua especialidade é  a roleta russa, que joga com uma arma viciada. Vai daí decidiu que  as reformas vão variar todos os anos, de acordo com regras impostas por ele próprio, coadjuvado pela Marilú: as armas dos reformados têm cinco balas, pelo que não há como escapar.
Viciado que está no jogo e certo de que ganhará sempre enquanto for ele a determinar as regras, PPC já deve estar a preparar uma variante do Blackjack, destinada aos desempregados. O subsídio de desemprego irá variar de acordo com o naipe partidário a que pertença.
Cuidem-se!
Os sintomas da doença estão bem patentes, mas tem cura. Internem-no!

1 comentário:

  1. Barbosamigo

    Aqui em Goa não há PPC; creio que entendes a sastifação que isso me dá! Mas, infelizmente, já estarei aí no dia 1 de Maio, pela noitinha. Creio que entendes a insastifação que isso me dá!!!!!!!...

    Há muitos casinos e até estão fundeados no Mandovi uma série de paquetes/casinos. Mas, felizmente,o PPC não anda por cá. Anda o frio: 35º; anda o mar gélido: 28º e a vida está caríssima, porque também temos os fatídicos mercados: por exemplo, no mercado de Panjim as gambas estão (feita a conversão) a 1,90 € o quilo...

    Abç

    Se fores até à Travessa encontrarás umas escrevinhadelas de cá...

    ResponderEliminar