terça-feira, 26 de novembro de 2013

Marcelo diz que o Papa Francisco é tonto!



Na sua homilia dominical do último domingo, Marcelo Rebelo de Sousa classificou as palavras de Mário Soares na Aula Magna como uma tonteria.
Ora, hoje mesmo, o Papa Francisco veio dizer que a exclusão e a desigualdade social "provocarão a explosão da violência".
Facilmente se infere, então, que Marcelo considera o Papa Francisco um tonto. Trata-se de uma acusação grave do devoto cristão Marcelo, pelo que se presume que amanhã, quando for à missa diária para expiar  os actos e ditos sacripantas que diariamente comete, o professor seja obrigado a confessar-se e pedir perdão pelo sacrilégio. Bondoso, o padre mandá-lo-á em paz e no próximo domingo Marcelo dirá, na TVI, que as palavras do Papa Francisco não são comparáveis às de Mário Soares.

11 comentários:

  1. Não sei se o Soares bate ou não bem da bola... mas esta é uma grande malha! Boa!

    ResponderEliminar
  2. Tonto - e estou a usar um eufemismo! - é esse Marcelo que ainda vamos ter de suportar com presidente da República! Será que depois continuará a fazer as referidas «homilias» dominicais com a libelinha de serviço?

    ResponderEliminar
  3. Carlosamigo

    O contraponto de tonto é ponto. O MRS saiu-me um ganda ponto! Resta saber se o Papa Francisco, ao saber da tontaria do gajo cita (com adaptações) o Cristo na Cruz: Pai perdoai-lhe que o tonto não sabe o que diz!...

    Abç

    ResponderEliminar
  4. Consta que Cristo expulsou os vendilhões do templo à "bordoada"...
    Também foi tonto? :)

    Abraço

    ResponderEliminar
  5. Tonto é quem ainda dá crédito às tonteiras de comentadores políticos... Ilustres...

    ResponderEliminar
  6. E ainda aquele ´Vaz do Jornal Económico, tão defensor do Governo, acha que seria muito boa ideia que Marcelo fosse Presidente da República!!

    Se quando se candidatou à Câmara de Lisboa mergulhou no Tejo, será que fará streptease???

    Bons sonhos, Carlos

    ResponderEliminar
  7. Claro que não vai achar as palavras comparáveis, até porque um é um (velho) tonto e o outro um santo... Ideias preconcebidas são assim! :)

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  8. Que estupor de comparação, Carlos!
    Francisco dá o exemplo; Soares é um hipócrita.
    Ele está furibundo por lhe terem mexido no bolso, especialmente por lhe terem mexido nessa coisa sinistra (serva para quê???) chamada Fundação Mário Soares.
    Um pode falar em revolta; o outro causa revolta!

    ResponderEliminar
  9. Pois eu acho que Soares não é tonto, apesar de tanto insistirem em desvalorizar as verdades incómodas em que ele vai tocando. O palerma do Seguro não foi à aula Magna- é um apagado, um inergumeno que não tem capacidade para ser líder do maior partido a oposição. Pode-se não gostar de Mário Soares, a história pode até revelar que não foi um politico imaculado, mas não se pode confundir coerência com incoerência e justiça com injustiça. Não é por causa da boca que a reclama que ela deixa de ter relevância. Para mim, Mário Soares continua a ser um grande político. Podia estar resignado e acabar-se na sua velhice de forma apaziguadora, mas isso não acontece porque a politica está-lhe no sangue, é endógenea ao contrário, dos muitos que se apregoam donos da verdade. Bem aventurados os que ainda tem liberdade de dizer o que pensam.Tenho pena que não hajam mais vozes tão lúcidas como esta.

    ResponderEliminar
  10. TONTO é quem não entende o que o Soares disse e já agora o Papa. Tonto é quem se insurge e não pára para reflectir. Tonto é quem ouve o Marcelo ( eu oiço ) e não sabe distinguir aonde quer chegar. Tonto é quem pensa um dia dar o voto ao citado palhaço para PR ....como aqui se diz " se mal de carro pior de arado "...AI , tantos TONTOS...
    M.A.A..

    ResponderEliminar