quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Bancos portugueses recuperam credibilidade

Os bancos reagiram mal quando souberam que o Estado se apresta  a colocar no mercado uma nova série de certificados de aforro, cuja taxa de juro   será superior a 5%, ao fim de 5 anos.
Segundo os bancos, a rentabilidade deste novo produto  financeiro lançado pelo Estado é muito superior  àquela que os bancos estão autorizados a pagar aos seus clientes, pelo que o governo está a fazer concorrência desleal.
Esta gente dos bancos também já não é o que era!  Ainda acreditam  que os portugueses confiam na palavra de um governo que desfaz os seus compromissos  24 horas depois de os ter assumido? Quem acredita que daqui a 5 anos o governo vai pagar aquilo com que se comprometeu?
Estejam descansados, senhores banqueiros. Este governo é tão desonesto que vos devolveu a credibilidade. Ninguém lhes compra sequer, um alfinete de dama!

2 comentários:

  1. Tens razão. O Estado, enquanto esta corja se mantiver no poder, de meu já só leva o que for "roubado". Emprestado, nunca.

    ResponderEliminar
  2. Bancos e governantes - marco "x" no totobola.
    É fugir de ambos como o diabo da cruz!!

    ResponderEliminar