segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Passos renovou a apólice... E agora?

 Pedro Passos Coelho não me pareceu nada abatido quando ontem analisou os resultados. Reconheceu a derrota esmagadora, deu os parabéns ao PS, fez um número de circo dizendo que o resultado era o preço a pagar por não ter apresentado candidatos populistas ( LFM e Seara eram apoiados por quem?) e saiu de mansinho, garantindo que o governo irá continuar a seguir o caminho da austeridade que ( com gosto e uma ponta de sadismo, presumo eu…) tem seguido até aqui.
Quando se retirou deve ter ido celebrar a vitória de Seguro com os colaboradores mais próximos. O líder do PS tem sido o seguro de vida e o abono de família de Passos Coelho. Uma vitória à tangente e uma vitória clamorosa de Costa ( como se verificou) teria  feito caducar a apólice.
Sobre a Madeira, PPC não disse nem uma palavra. Já devia ter ouvido das boas de Jardim pelo telefone e achou melhor ficar calado.
Está confirmado o pior resultado de sempre  ( ver aqui)
Mas atenção! Sabem quando foi o anterior pior resultado? Foi em 1989. E sabem o que aconteceu nas legislativas seguintes em 1991? Cavaco reforçou a maioria! Ah, pois é...


Sem comentários:

Enviar um comentário