sexta-feira, 26 de julho de 2013

Juca Chaves era um visionário


Há dias escrevi um post a anunciar que o paraíso estava mesmo ao virar da esquina. Não esperava era encontrá-lo tão depressa, nem  saber  a notícia durante uma viagem de metro.
Com efeito, quando ontem abri o jornal Metro, deparei com a notícia:
País é “paraíso” da infidelidade.
 Fui de imediato ver qual era o país e, surpresa, não é que é mesmo Portugal? Somos os campeões dos/as cornudos/as e, o que é mais importante, gostamos.
Uma sondagem  revela  que 56% das mulheres e 68% dos homens portugueses são danadinhos por umas facaditas matrimoniais.   Para os interessados há um site que dá uma ajuda, incentivando os relacionamentos extra conjugais . O mercado português é, segundo a mesma fonte, um dos mais procurados para as cerimónias do encornanço, estando o site a ter imensa procura.
Na opinião de Noel Biderman, fundador do Ashley Madison, esta apetência deve-se à acrise “ causadora de insatisfação e mal estar entre os casais, o que leva ( os cônjuges) à procura de novos estímulos” ( para se sentirem mais felizes).

Razão tinha o Juca Chaves quando há mais de 50 anos cantavaesta canção. Era um visionário!

1 comentário:

  1. Cá para mim, nos outros países não estão a fazer sondagens...
    (como eu gostava do subversivo do Juca Chaves, nos meus tempos de jovem mulher a aprender a vida!)

    ResponderEliminar