quinta-feira, 16 de maio de 2013

Uma noite de muitas convergências

Não deixa de ser sintomático que  esta noite Manuela Ferreira Leite, na TVI 24, e Pacheco Pereira, na SICN, tenham sugerido, com muita veemência, que Coelho e Gaspar estão a mentir aos portugueses, justificando as medidas de austeridade com imposições da troika. 
MFL disse mesmo que era tudo uma encenação e não acreditava na possibilidade de a troika exigir a convergência das pensões no espaço de um ano. Pacheco Pereira questionou o facto de não existirem actas nem qualquer outra informação sobre o que se passa nas reuniões de Gaspar e Coelho com os nossos credores, pondo em causa a veracidade daquilo que eles nos impingem!
Também me pareceu estranho que Guilherme Silva manifestasse constantemente a sua concordância com João Galamba, no debate que tiveram antes do tempo de antena de MFL.
Finalmente, Paulo Portas foi claro ao dizer que  é incompatível com a TSU dos pensionistas, mas continuou a ser dúbio quanto aos cortes retroactivos nas pensões.
Fiquei com a sensação que todos falaram para Cavaco e para os conselheiros de estado...


2 comentários:

  1. Bingo!

    É isso e para se demarcarem. Ninguém sabe
    se não os espera uma nova oportunidade

    ResponderEliminar
  2. Mas uma das características da senilidade precoce de Cavaco é a surdez absoluta.
    Já só ouve a Senora de Fátima, e a Maria, claro...

    ResponderEliminar