quinta-feira, 16 de maio de 2013

Cavaco evoca Thomaz em Melgaço



Por estes dias tenho-me lembrado muitas vezes de Américo Thomaz , o  presidente fantoche cujos discursos provocavam invariavelmente uma risota nacional. 
Desde o 25 de Abril – pese embora as chalaças do candidato a PR Pinheiro de Azevedo- nunca mais voltei a rir-me com patacoadas de um PR. Até que apareceu um senhor de Boliqueime a ocupar o palácio de Belém.
Tal como Thomaz, Cavaco resume a sua função  presidencial a cortar fitas e a algumas tiradas hilariantes. Esta semana tem sido um fartote. Começou na segunda-feira com a invocação de Nossa Senhora de Fátima, que iluminou a troika e garantiu a aprovação do sétimo exame regular e prosseguiu ontem, na Adega Cooperativa de Monção, numa súplica a S. Jorge, para que nos ajude a vencer a crise, com a mesma determinação e empenho  que o santo aplica na animada peleja que todos os anos trava  em Monção com o Dragão da Coca.
Entre estas duas invocações celestiais, Cavaco desceu à terra em Melgaço e discursou. Entre outras ninharias,  afirmou que Portugal  precisa de boas notícias. Ainda pensei que fosse anunciar, ali mesmo,  que  em defesa da dignidade do cargo se ia demitir… mas a única boa notícia  que ouvi  da sua boca , ocorreu no momento em que  se referiu aos cidadões. 
Ainda pensei que fosse “gaffe”, mas ao ouvi-lo repetir a asneira, percebi que para Cavaco os portugueses não são cidadãos, mas sim cidadões.  Parece-me bem… rima com molengões!
Não estou certo se Cavaco não pretenderá mesmo ser um remake de Thomaz ( ainda não comprou o boné)e por isso fez questão de o evocar em Melgaço. Tenho é a certeza que naquele tempo ninguém se podia rir publicamente dos discursos do almirante. Nos dias de hoje  as “boutades” do PR  (ainda) podem ser reproduzidas e provocar chacota  dos tugas nas redes sociais. Ao menos isso… 

8 comentários:

  1. A ignorância do PR na área da cidadania é tão grande e grave que para ele não há cidadãos...mas cidadões!
    Quem votou nele não estará arrependido e envergonhado?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Arrependidos e envergonhados!?!!! Qual quê!!! O voto dos cidadãos é um; o dos CIDADÕES é o que está a dar...

      Eliminar
  2. Desde que o mui brilhante Poiares Maduro disse em pleno Prós& Contras, que a "Europa financeia-se", Tal & Qual....:)))que o pessoal político está mais equiparado ao Relvas do que se poderia supôr...

    ResponderEliminar
  3. Inculto, patego, emproado - enfim, desprezível!

    ResponderEliminar
  4. Quando voltar a Melgaço talvez diga como o outro:

    "Esta é a primeira vez que venho a Melgaço desde a última vez que cá estive"..

    Tomaz e Cavaco: dois presidentes, a mesma anedota!

    ResponderEliminar
  5. Eu diria, pior que Tomaz, que esse ao menos, tinha desculpa da idade; este é senil, antes do tempo.

    ResponderEliminar