terça-feira, 26 de março de 2013

A saída de Almeida Henriques: um sinal?

Almeida Henriques era, há muito, apontado como candidato do PSD a Viseu mas em Janeiro, depois de Marco António ter anunciado a sua desistência à câmara de Gaia, também ele veio dizer publicamente que se manteria no governo e renunciava à candidatura a Viseu.
Inesperadamente, o secretário de estado de Álvaro Santos Pereira ( um dos melhores secretários de estado deste governo) veio ontem anunciar que afinal vai mesmo candidatar-se a Viseu, pelo que irá abandonar o governo.
Este flic flac quererá dizer que Álvaro Santos Pereira está mesmo de saída, ou que Almeida Henriques também começa a acreditar que este governo tem os dias contados?
Não deixa de ser curioso, por outro lado, que o próprio Almeida Henriques tenha confirmado que não será substituído no cargo, passando as suas funções a ser asseguradas por outros secretários de estado de Santos Pereira. Ora isto coloca outra questão: estará Almeida Henriques a manter uma porta aberta no governo, para o caso de vir a ser derrotado em Viseu e o governo se manter até 2015?

7 comentários:

  1. Já acreditei mais que o governo caísse do que acredito hoje. Acho que última hipótese é a mais provável.

    ResponderEliminar
  2. Continuo a acreditar que o governo vai cair antes de 2015. Mas já vi melhores dias para isso... :P

    Quanto a esta dança de cadeiras, é mais do mesmo! No outro dia Jerónimo de Sousa afirmou: "Remendo novo em pano velho não resulta!" E nisso concordo com ele... ;)

    ResponderEliminar
  3. Até 2015??!!! E quem é que aguenta isto?!... Quanto a remodelações, ainda é pior a emenda que o soneto...

    ResponderEliminar