terça-feira, 4 de dezembro de 2012

O Portas não aguenta? Ai aguenta, aguenta...

Pedro Passos Coelho já humilhou Paulo Portas várias vezes. O líder do CDS resistiu alegando patriotismo.  Gaspar humilhou repetidas vezes  Portas e os deputados do seu partido. Portas continuou a resistir.
Agora, vem este caramelo do Porto chamar-lhe traidor. Presumo que Paulo Portas irá fingir que não ouviu. No fundo, ele sabe bem que merece ser humilhado, mas quantos mais insultos e humilhações estará Paulo Portas disposto  a suportar, por umas migalhas de poder? Será mesmo capaz de vender a Mãe, como já ouvi alguém asseverar? 
Visto por outro prisma ( que não deve ser descartado): até onde estará o PSD disposto a ir para obrigar o CDS a abandonar a coligação, para que depois Coelho se possa armar em vítima? Julgarão Relvas e Coelho que podem esticar a corda até partir para o seu lado? Eu não estaria tão confiante. Portas está, há muito, à procura de engendrar um pretexto para sair por cima num próximo acto eleitoral. No dia em que o encontrar a coligação explode com estrondo e Portas encontrará um outro regaço que o acolha numa nova coligação.
Resumindo: o país está à mercê de uma luta de galináceos da política. O povo, sereno, continua a aguentar tudo, crente de que eles estão a fazer tudo para salvar o país. Santa ingenuidade!

6 comentários:

  1. Não me parece que o povo esteja assim tão sereno!
    Lá para a primavera teremos novidades...

    ResponderEliminar
  2. O Relvas tem o Portas agarradinho pelos tomates. Se respiga muito começam a sair os documentos desaparecidos dos submarinos em fascículos no Correio da Manhã. O Cavaco e o Seguro estão iguais, o Cavaco com a Coelha e o BPN, o Seguro com o facto de ser um dos professores que assinou a licenciatura do Relvas na Lusófona e por ser sócio dele num instituto que afinal de instituto não tem nada é uma empresa privada!. Estão todos agarradinhos pelos tomates!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Grande Relvas! O Soprano é um menino de coro comparado com ele!

      Eliminar
  3. até a maezinha dele já veio dizer em público que preferia que ele não estivesse no governo a ver se ele se toca...

    ResponderEliminar
  4. Isto não é um Governo, é um ninho de víboras!

    Mas não deixa de ter piada assistir ao aperto em que Portas está: se ficar , o bicho mata e se fugir, o bicho pega. Nunca a criatura pensou ver-se em tal situação, rrss

    Só que, Relvas e Passos que se cuidem, porque a vingança serve-se fria e o Paulinho das feiras não esquece nem perdoa...

    Um bom serão, Carlos

    ResponderEliminar
  5. Como eu gostava de não escrever o que vou escrever, Carlos!
    O país está à mercê de uma luta de três meninos ladinos (Passos Coelho, Portas e Seguro) que tê muitas contas a ajustar entre si.
    Uma tristeza!

    ResponderEliminar