sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

O mentiroso compulsivo

Miguel Relvas é  um aldrabão convincente e convencido.
Convencido, porque acredita que o seu apoio a Fernando Seara é uma mais valia para o candidato do PSD/CDS a Lisboa.
Convincente, porque disse na universidade política do PSD ( Relvas adora Universidades virtuais ) que votaria em Fernando Seara para a câmara de Lisboa, sem que nenhum dos presentes o interpelasse sobre uma questão muito simples:
" Não sendo o senhor votante em Lisboa, como vai votar em Fernando Seara?"
Como qualquer mentiroso compulsivo, Relvas já não distingue a realidade da ficção. Por isso convenceu-se que iria votar em Lisboa.
Bem, há sempre uma hipótese... a de Relvas ter  direito a tantos votos quanto os telemóveis que possui. Se assim for, ainda o vamos ouvir dizer que irá votar em Menezes no Porto.
Qualquer coisa deve ter na manga este malabarista  que enfrenta sempre as câmaras com um sorriso. Como qualquer homem sério, honesto e de consciência tranquila.

3 comentários:

  1. A única hipótese é já ter mudado de residência oficial e já não votar em Tomar!
    Mas isso é fácil de saber!
    Apanha-se mais depressa um mentiroso do que um coxo...

    ResponderEliminar
  2. E talvez nem a psiquiatria tenha remédio para tal patologia.
    E pensar que os nossos destinos estão nas mãos destas pessoas...

    beijinho

    ResponderEliminar
  3. Como ele não faz ideia o que é isso de consciência, está feliz e descansado! Mas os mentirosos compulsivos são mesmo assim: acreditam nas próprias patranhas!

    ResponderEliminar