quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Adivinha de Natal



Era uma vez um homem perfeito que conheceu uma mulher perfeita.Namoraram e um dia casaram-se. Formavam um casal perfeito.
Numa noite de Natal, ia o casal perfeito por uma estrada deserta, quando viram alguém na berma pedindo ajuda. Como eram pessoas perfeitas, pararam para ajudar. Essa pessoa era nada mais nada menos do que o Pai Natal, cujo trenó havia avariado. Não querendo deixar milhões de crianças decepcionadas, o casal perfeito ofereceu-se para o ajudar a distribuir os presentes. O bom velhinho entrou no carro e lá foram eles. Infelizmente o carro envolveu-se num acidente e somente um dos três ocupantes sobreviveu.
PERGUNTAS:Quem foi o sobrevivente do trágico acidente?A mulher perfeita, o homem perfeito ou o Pai Natal? E quem conduzia o automóvel que provocou o acidente?
(Confira a resposta mais abaixo.)

RESPOSTA:A mulher perfeita sobreviveu.Na verdade, ela era a única personagem real da história. Todos sabemos que o Pai Natal e o homem perfeito não existem.
(Se você é mulher, pode fechar a mensagem, porque a piada acaba aqui. Os homens podem continuar e ler mais.)



Portanto, se nem o Pai Natal  nem o homem perfeito existem, fica claro que quem conduzia era a mulher, logo o acidente está esclarecido.
E se tu és mulher e leste até aqui, fica provada mais uma teoria: que as mulheres são curiosas, e incapazes de seguir instruções.



18 comentários:

  1. ... quem conduzia era o motorista!
    Mulher perfeita não abdica dele! eheheh

    ResponderEliminar
  2. Já conhecia! Um bocadinho machista, para o meu gosto... :)

    ResponderEliminar
  3. Não conhecia! Mas quem me mandou a mim ser curiosa...

    ResponderEliminar

  4. Li até ao fim. Apenas porque nenhuma das personagens existe como são descritas. E eu, mulher e longe de aspirar a ser perfeita, ri!

    Bom momento!

    Beijo

    Laura

    ResponderEliminar
  5. Este texto foi, de certeza, escrito por um homem e suponho que Freud diria que o sujeito, no seu inconsciente, tem recalcada uma invejazita da perfeição das mulheres lol

    Bjos

    ResponderEliminar
  6. Um bocadinho antiquada e concordo com a Isa GT. :))

    ResponderEliminar
  7. Já conhecia, creio que alguém me enviou por mail...
    não lhe achei piada na altura...e agora...também não!
    Sorry!

    :-))))

    ResponderEliminar
  8. Eh1 Eh! Eh! Eu li até ao fim porque já conhecia... Ai estes homens são tão machistas....

    ResponderEliminar
  9. Confiro: sou curiosa, mas sei conduzir.
    Nunca mataria o Pai Natal e muito menos o homem perfeito mesmo que imaginários.

    beijinho

    ResponderEliminar
  10. :)) E eu a pensar que seria o Pai Natal a sobreviver :)

    ResponderEliminar
  11. Li tudinho! Já conhecia mas esperava que o final não fosse o que sabia!
    Não sou perfeita, sei conduzir, nunca casaria com um homem perfeito porque sou desconfiada, acredito no Pai Natal e sei que é perfeito, logo nunca o mataria... consegui o que queria: "arranjei" uma grande confusão que nem eu entendo:):):)

    ResponderEliminar
  12. Realmente a única diferença entre os sexos está na forma como tratam os carros!... E os quartos! De resto é tudo muito homogéneo!

    ResponderEliminar
  13. Amigo Carlos:

    Que maldade!!! :))

    Abstenho-me de comentar ;)

    beijinhos e bom fim de semana

    ResponderEliminar