terça-feira, 27 de novembro de 2012

Simulação, dizem eles!

Os jornais do dia  noticiam que decorrerá hoje uma simulação de tsunami na costa portuguesa.
Falar de simulação ao largo quando está a ocorrer um tsunami bem real em terra, com epicentro em S. Bento, parece-me brincadeira de mau gosto.  É certo que os efeitos deste tsunami  terrestre só começarão a sentir-se em Janeiro, quando os portugueses perceberem que foram roubados por uns senhores bem falantes que os ludibriaram com o conto do vigário, mas terá efeitos devastadores que a comunicação social  se esforça por mitigar: um número indeterminado de desalojados, desaparecidos e mortos. À fome, ou por desespero.
O tsunami terá também efeitos colaterais mais prolongados, devastando o CDS/PP num próximo acto eleitoral. Nessa altura, a maioria dos votantes no partido de Portas perceberá que não vale a pena gastar tinta com um partido inútil. O único sobrevivente será Paulo Portas, o comandante, que abandonará o navio e os tripulantes à sua sorte. Alguns encontrarão refúgio seguro em empresas públicas. Os restantes pagarão o preço da traição.
No CDS/PP reuniu-se o maior grupo de embusteiros e traidores à Pátria desde 1640. Para salvarem o coiro, contribuem com o seu voto para a ruína do país. Os portugueses não lhes perdoarão. 

9 comentários:

  1. Não sei, não! Vamos lá ver se, numas próximas eleições, não voltarão a ter bons resultados. É que eles são muito (dis)simulados... E muitos. muitos dos portugueses são muito ... estúpidos. (Até custa dizer.)

    ResponderEliminar
  2. Infelizmente, Carlos, apenas uma pequenina parte dos portugueses está suficientemente informado e lúcido para perceber o que se está a passar - de modo que não tenho assim tanta certeza quanto a resultados nas próximas eleições...

    ResponderEliminar
  3. Ainda o tsunami não produziu efeitos e já os serviços meteorológicos anunciam um tufão com vento de velocidade elevada, não restará nada! Ou melhor, sobreviverão os meteorologistas... e mais meia dúzia de artistas.

    ResponderEliminar
  4. Ó Carlos... será que os portugueses só agora vão ficar de memória
    avivada para não elegerem quem já deu provas de enorme imaturidade?

    Nunca sei...

    Bj

    ResponderEliminar
  5. De acordo quanto aos estragos provocados no país pelo tsunami "epicentrado" em S. Bento. Quanto aos efeitos colaterais, não sei não. Estamos a sofrer as consequências dum terramoto com epicentro no mesmo local e o CDS, a crer nas sondagens, não se tem safado nada mal.

    ResponderEliminar
  6. Eu não perdoo, de certeza. Mas também é certo que não votei neles...

    ResponderEliminar
  7. E quem pode perdoar uma traição? Eu, não!

    ResponderEliminar
  8. Vão dar utilidade aos submarinos do Portas?? :)))

    ResponderEliminar