domingo, 13 de novembro de 2011

Surpresas!

Ontem fui dar uma espreitadela à manif da administração pública. Confesso que ultrapassou largamente as minhas expectativas. Se tiver sido um ensaio geral para a greve de dia 24, admito que nesse dia não haverá requisição civil que valha ao governo.
Será que os funcionários público começam a acordar e decidiram, finalmente, dizer que estão fartos de ser "bombos da festa" do laranjal?
Impressionante, foi a manif dos militares, que sem dúvida terá deixado o governo bastante mais preocupado e Passos Coelho sem vontade de vomitar aquelas tiradas irónicas a que sempre recorre quando se refere ao direito à manifestação e à greve.

16 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  3. Novo visual, Carlos!
    É a praia de Saint Malo?
    Parece que a população está “a acordar” da modorra pela qual se deixou envolver.
    Abraço

    Desculpe, Carlos, achei que uma das frases estava gramaticalmente incorreta... e mesmo assim... : )

    ResponderEliminar
  4. Carlos
    Antes de mais parabéns pelo novo visual. Espero que o conteúdo se mantenha, sempre agradável de ler(ou seja) há coisas que gostava de não ler. Mas elas existem e o meu caro dá-as à estampa com grande perfeição.
    Quanto à Manif. A confirmarem-se os numeros terá sido das maiores tendo em conta que era virada para um sector específico. Vamos ver no futuro, em termos de votos como vai ser. Embora não esteja nada "seguro" com as alternativas credíveis existentes. Acho que há que criar outras. A não ser que haja mudanças significativas.
    Um bom Domingo
    Rodrigo

    ResponderEliminar
  5. Segundo os organizadores; 180 mil. Os mesmos que colocaram na rua 200 mil professores contra o malvado Sócrates.

    ResponderEliminar
  6. AFINAL, O NOSSO POVO NÃO É ASSIM TÃO FOLEIRO COMO O CARLOS ERRADAMENTE PENSAVA!!!

    Belíssimo o novo visual, o conteúdo do CR é excelente, só o Carlos tem de ser menos pessimista e acreditar em PORTUGAL e na nossa gente.

    Abraço da amiga de longe.

    ResponderEliminar
  7. que seja o começo de movimento de mudança.

    ps. gostei do visual.

    ResponderEliminar
  8. Carlos

    Adorei a nova roupagem!
    Esse Rochedo está ainda mais lindo.
    Que notícia boa!
    Beijinho

    Lucia

    ResponderEliminar
  9. Vamos ver..., também me surpreendeu pela positiva a magnitude da manif... vamos ver.

    ResponderEliminar
  10. Também fiquei impressionada com a manifestação dos militares. Muita coisa está a mudar, diante dos nossos olhos!
    (belíssimo, o novo "visual" do teu blog!)

    ResponderEliminar
  11. Carlos, parabéns ao CR.
    O vermelho, cor quente, de paixão pelas coisas.
    A água, o começo de tudo e o cheiro a maresia que é uma maravilha.
    O rochedo está lindo.Obrigada.
    As "manif" de ontem mostraram um acordar (bem preciso)
    Celene
    2011/11/13

    ResponderEliminar
  12. Um bom sinal para a greve geral

    contra a indiferença

    ResponderEliminar
  13. Mas já veio o beato Cavaco apelar ao bom senso (expressão absolutamente nojenta) dos portugueses para que... para que... Odeio este trejeito padreca destes nossos governantes para levarem o povo!

    Desculpe, Carlos, pelo meu mau feitio, mas estou que não me aguento a mim própria com a situação por que estamos a passar!

    Boa semana!

    ResponderEliminar
  14. Obrigado a todos que manifestaram a sua opinião sobre o novo visual do CR.
    Espero que não se perca a qualidade dos posts, embora esteja cada vez mais difícil manter a serenidade e a cabeça fria em determinadas análises.

    ResponderEliminar
  15. Catarina
    É mesmo Saint Malo.
    Tirei a fotografia ao final da tarde de um dia extremamente chuvoso e, embora não esteja boa, quando olho para ela revivo aquele momento com uma intensidade que me transporta até lá. E eu estou a precisar muito de voar, mas ainda falta mais de um mês para voar até ao hemisfério sul..
    Obrigado pelas suas palavras

    ResponderEliminar
  16. Já não era sem tempo! Tanta letargia já irritava... :)))

    ResponderEliminar