quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Conversas com o Papalagui (62)

-Ouvi dizer que havia há anos na Europa um Muro da Vergonha. O que era isso?
-Era um muro que dividia Berlim ao meio e separava a Europa Ocidental da Europa de Leste.

- Ah! E porque é que lhe chamavam assim?

- Então não achas que era uma vegonha ter a Europa dividida por um muro que separava os "maus" e os "bons", Papalagui?

- És capaz de ter razão... mas explica-me uma coisa. Como é que vocês chamam ao muro que Israel construiu para isolar a faixa de Gaza?
- Bem...

- Não percas tempo, tuga, eu digo-te. Chama-se prisão e está a condenar à morte milhares de palestinianos perante a vossa indiferença. Afinal vocês, europeus, são uns hipócritas!


Adenda: Assinalam-se hoje 22 anos sobre a queda do muro de Berlim. Ainda existem muitos outros muros por derrubar e outros foram entretanto construídos Remeto-vos para o que escrevi a propósito dos 20 anos das "comemorações" Ali explico as razões porque chegámos a este estado, depois de tanta euforia.

2 comentários:

  1. Sem dúvida que situações vergonhosas são muitas no mundo inteiro. Com ou sem muros!

    ResponderEliminar
  2. Mas, com a proposta da Europa a duas velocidades, vem aí outro muro a caminho.
    A diferença é que este é invisível.
    São os difíceis de derrubar, Carlos.

    ResponderEliminar