terça-feira, 27 de setembro de 2011

Na cama com o governo ( salvo seja...)

Todos os dias ouço Vítor Gaspar e Passos Coelho, à vez ou em uníssono, fazerem declarações que me deixam deprimido e me fazem temer pelo futuro.
Há pouco, enquanto ouvia o ministro Álvaro no "Prós e Contras", fiquei preocupado com o seu optimismo. Prometeu-nos um futuro tão risonho, que cheguei a pensar estar a sonhar. Belisquei-me. Afinal estava acordado. Foi então que a dúvida se instalou...
Será que o ministro da Economia, Emprego "e não sei que mais" já percebeu que está em Portugal e faz parte do mesmo governo que diariamente nos pede novos sacrifícios, ou pensa que ainda está no Canadá?
Eu sei que é preocupante constatar que temos um governo bipolar e ouvir da boca do ministro que, em vez de um, vamos ter dois TGV, mas com nome de comboios de alta velocidade. Um partirá de Sines e outro de Aveiro! Mas logo o ministro Álvaro garantiu que, além disso, a economia vai crescer como já não crescia desde 2000 e que dentro de pouco tempo irá anunciar uma série de medidas para dinamizar a economia, tornando-nos tão competitivos que abriremos todos as bocas de espanto. Pela primeira vez, nos últimos meses, fui deitar-me com um sorriso, revigorado graças a esta injecção de esperança.
Estava quase a adormecer quando Morfeu me veio inquietar de novo. Perguntou-me se eu era capaz de imaginar uma reunião do Conselho de Ministros de um governo com posições tão díspares. Fiz um esforço. Imaginei, mas fiquei com insónias quando pensei nos resultados e vim escrever este post.
De qualquer maneira, gostei de ouvir o ministro Álvaro. Talvez ele tenha estado a falar do Canadá, mas o importante é que me fez acreditar que falava de Portugal. Obrigado, pois, senhor ministro! Tenha uma noite descansada...

4 comentários:

  1. Salvo seja mesmo, meu caro Carlos.

    Passe para deixar um beijinho...

    ResponderEliminar
  2. Até tive dificuldades em acordar tal não era a vontade de continuar embalada no sonho dos dias bons que por aí virão!

    ResponderEliminar
  3. Tive a mesma sensação, a minha filha antes do programa começar telefonou-me para eu ver o programa,iam falar sobre turismo, assim que … aliás o Sr. Ministro teve que ser chamado à atenção pelo Director do Turismo em Portugal, de tão embalado que ia até se esqueceu que o que até agora o que temos para vender e consolidado é sol, mar e simpatia e, o Luis Patrão teve que lhe dizer que o tudo o mais pode vir, será bem vindo mas é por acréscimo...

    abraço

    ResponderEliminar
  4. É assim mesmo Carlos, os daltónicos veem sempre tudo pintado a cor de rosa. Não há cá cinzentos, ora pois! Sejamos então felizes.Já estou a pensar nas minhas próximas férias: no Dubai, não faço por menos e no hotel que eles lá têm de 6*! O ministro da Economia e tudo e tudo e tudo paga!Em dólares canadianos, porque em euritos....Temos que ter paciência para estas "pérolas". Mas já estamos habituados! Os portugueses habituam-se facilmente.

    ResponderEliminar