sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Golden Shares

Com a oferta ao sector privado da golden share que detinha na EDP, o governo completou, em apenas dois meses, a primeira fase da sua política de gestão danosa do património nacional e cometeu o maior atentado à soberania nacional desde o 25 de Abril. Obviamente que, quando sairem do governo, os autores do esbulho serão recompensados. Como já foram Barroso, Constâncio e "tutti quanti" colocaram os seus interesses pessoais à frente dos interesses do país.
Este modelo de democracia está esgotado. Faliu no momento em que não soubemos aproveitar a liberdade de Abril que expulsou os parasitas que nos governavam. Não soubemos fazer escolhas e, quando tínhamos tudo para ser felizes, escolhemos para nos (des)governarem os filhos dos parasitas que nos oprimiram durante 40 anos.
E não venham com o argumento de que o Estado não deve ter golden shares, porque são ilegais. Na esmagadora maioria dos países europeus, o Estado não abdicou dos seus interesses e das suas responsabilidades nas empresas que prestam serviços essenciais às populações e continua a ter golden shares.

3 comentários:

  1. Carlos,

    Uma vez Pelé disse que brasileiro não sabia votar. Foi muito criticado.
    Penso em como os povos são desmemoriados politicamente, não?
    Bom dia, bom final de semana.
    Beijo

    ResponderEliminar
  2. sonharafetos.blogspot.comsexta-feira, 26 agosto, 2011

    Apoio inteiramente o teu artigo sobre as golden share.
    Esta gente não tem vergonha,porque realmente, no final são os amigos e parentes deles que beneficiam...
    Qualquer dia vamos vê-los por aí a cantar (lá vamos cantando e rindo,
    levados,levados sim...) o hino da mocidade portuguesa.
    O meu abraço e o meu afeto.

    ResponderEliminar
  3. A sorte é que ainda temos as "Silver Shares" e as "Bronze Shares"...

    Quanto às escolhas... ihihihih... por incrível que pareça não ficamos pelos filhos... isto já vem desde, no mínimo, 1850...

    A MANADA gosta mesmo destes tipos!

    ResponderEliminar