domingo, 17 de abril de 2011

Humor fim de semana

Um alentejano queria livrar-se de um gato. Levou-o até uma esquina distante e voltou para a casa. Quando chegou a casa, o gato já lá estava. Levou-o novamente, agora para mais longe. No regresso, encontrou o gato novamente em casa. Fez isso mais umas três vezes e o gato voltava sempre para casa. Furioso, pensou:
'Vou lixar este gato!' Pôs-lhe uma venda nos olhos, amarrou-o, meteu-o num saco opaco e colocou-o na mala do carro. Subiu à serra mais distante, entrou e saiu de diversas estradinhas. Deu mil voltas... e acabou por soltar o gato no meio do mato. Passados umas horas, o alentejano liga para casa pelo telemóvel... - Tá, Maria, o gato já chegou? - Sim... - Ainda bem, deixa-me falar com ele porque eu estou perdido...

9 comentários:

  1. Ahahahah! Aahahahahah! Nao paro de rir... ahahah!

    ResponderEliminar
  2. Moral da estória:
    os gatos( e gatas) alentejanos são tramados...

    Então não vieste à Afurada festejar?
    Bjos.
    Janita

    ResponderEliminar
  3. É caso para dizer, quem não tem orientação, "compre" um gato..

    ResponderEliminar
  4. Carlos
    Quando comecei a ler não achei piada, até porque tenho 9 gatos, mas depois, bom depois ainda estou a rir. Obrigado por este bom momento.
    Abraço bom Domingo

    ResponderEliminar
  5. Eu alentejano (por opção)
    Acho-me com razão
    Quando vejo
    que os gatões
    são os donos do Alentejo

    Hoje assino-me

    Ratito perdido

    ResponderEliminar
  6. Bem feito, espero que o gato não lhe tenha ensinado o caminho de volta...:))))

    ResponderEliminar
  7. O Nabo não sabia que os gatos vêm com GPS de série...

    ResponderEliminar