segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Sacudir a água do capote

Há quem não entenda a razão de a direita estar ansiosa pela entrada do FMI em Portugal. A explicação, porém, é simples. Com o FMI em Portugal e a direita no poder, Pedro Passos Coelho poderia tomar todas as medidas impopulares que anseia , alegando que está apenas a seguir imposições do FMI. Os cobardes nunca se assumem, precisam sempre de um bode expiatório.

4 comentários: