segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Sonhos cruzados


Acordou a meio da noite sobressaltada. O companheiro andava ausente em trabalho há três dias e ela sonhou que ele tivera um acidente e estava internado no hospital. Passou o resto da noite em claro, hesitando em telefonar-lhe. E se tudo não passasse de um pesadelo? Às oito da manhã telefonou-lhe. Não lhe contou do sonho. Só queria dizer-lhe que o amava e tinha saudades.
À hora do almoço ele telefonou-lhe. Contou-lhe que sonhara com ela. Estavam os dois a namorar numa praia deserta. Distante. Ela suspirou. Ele disse que regressaria a casa nessa mesma noite. Quando chegou , ela não estava em casa. Estranhou. Ligou-lhe, mas ela não atendeu o telemóvel. Serviu-se de um whiskey. O telefone tocou. Era do hospital. A companheira estava internada.Tivera um acidente grave.

9 comentários:

  1. Que horror!
    Não gosto muito de mortes ou acidentes anunciados. Prefiro a ignorância, embora nem sempre seja possível.

    ResponderEliminar
  2. Também fiquei pensando se aconteceu de verdade!
    com carinho Monica

    ResponderEliminar
  3. Espero que seja só ficção deste seu rochedo.

    ResponderEliminar
  4. Também espero que seja ficção.
    Há sonhos que são autênticos pesadelos.

    beijinhps

    ResponderEliminar
  5. Agradeço a visita, mas não comentou o meu "Delírio" eheheh.
    Beijo

    ResponderEliminar
  6. A todos
    Como já avisei várias vezes, os posts com a etiqueta CENAS são sempre reais.Quando há alguma excepção, eu aviso.
    O caso já se passou há alguns meses, mas só agora publiquei o que então escrevi, porque estive à espera do completo restabelecimento da protagonista.
    Posso acrescentar, que hoje em dia, quando falam nisso, até já deixam escapar um sorriso.

    ResponderEliminar
  7. Carlos
    Ainda bem que a protagonista da "estoria" recuperou.
    Eu sou daqueles que não acredita em nada de sobrenatural. Mas a Ciência ainda não consegue explicar tudo.

    ResponderEliminar
  8. Ainda bem que a protagonista da história já recuperou.

    ResponderEliminar