terça-feira, 7 de dezembro de 2010

A solução para derrotar Cavaco Silva


A única maneira de impedir a reeleição de Cavaco é instaurar o controlo anti doping nas eleições presidenciais. Se o fizermos, teremos a certeza que o vencedor não será Cavaco pois, tal como acontece na Volta à França em bicicleta, o primeiro é sempre desclassificado e a vitória atribuída ao segundo.

13 comentários:

  1. Boa. Precisamos mesmo é de boa disposição. :))

    ResponderEliminar
  2. Carlos
    Para mim a "batota" é a velha do "mudar para quê, são todos iguais"
    A mim esta ideia que anda por aí, mete-me medo e não é pelo doping que os que vão à frente eventualmente tomam, É por outro tipo de droga que injectam à bruta no pessoal.
    Abraço
    Mudei de endereço--- rmanuelh.blogspot.com

    ResponderEliminar
  3. Só se lá for o Luis Horta. Nos outros não confio...

    ResponderEliminar
  4. O pessoal do controlo anti-dopping está todo sequestrado....

    ResponderEliminar
  5. Carlos,
    Faço link... deste e de outro :))
    Abraço :)

    ResponderEliminar
  6. Oi Carlos!!
    Tudo bem?

    Ainda a respeito daquele post sobre funcionários públicos, recebi o seguinte e-mail (sob o título "agradecimento no Crónicas do Rochedo‏")de uma pessoa comentando o meu comentário em teu blog e me pedindo o seguinte, olha só:

    "Cara desconhecida,

    mil perdões por ocupar o seu tempo. Impressionou-me que desde o Brasil (onde resido parcialmente, sou casado com uma sua compatriota também funcionária pública cuja profissão é proteger crianças) agradeça ao Carlos aquele post sobre funcionários públicos: que vá de outro país agradecer-lhe que escreva o óbvio sobre Portugal de onde sou originário.

    Talvez goste de ler isto: http://ancorasenefelibatas.wordpress.com/2010/12/06/para-ti-funcionaria-publica/

    É uma forma de agrecimento (a possível e desajeitada) a uma funcionária pública (como você, se bem li) a quem devo a vida, num gesto seu de uma generosidade desmedida e de forma totalmente gratuita, ou não paga. Trata-se de um caso verídico, à imagem dos que acontecem diáriamente pelo mundo fora. No meu caso passou-se quase há uma década e meia. Também eu me senti agradecido por aquele post.

    Um abraço, com a esperança que não considere a utilização do seu endereço de e-mail abusiva pela minha parte."

    Não lhe digo que você é ótimo? Olha o que desperta nas pessoas!

    Beijos

    Carla

    ResponderEliminar
  7. Toda a equipa de recolha de amostras bem como os analistas, fazem parte da comissão de honra do homem... disse-me o Sarkosy

    ResponderEliminar
  8. Calma lá que não é bem assim. Na volta à França todos mijam pró frasquinho. Cavaco é mais dado a mijar fora do penico...

    ResponderEliminar
  9. Faça-se já uma petição pública para que seja aprovada a tempo, pela AR, uma lei nesse sentido e devidamente regulamentada, para que não vá o impoluto, Luís Horta, levantar alguma irregularidade, se não lhe interressar o resultado.
    Apesar de considerarem todos iguais, qualquer um deles nos envergonharia menos.
    Injectam se nós deixarmos. Quando passar mais uma dezena de anos e acabar o que resta de certas épocas isto vai melhorar.

    ResponderEliminar
  10. Confesso que nunca tinha pensado nisso....

    ResponderEliminar
  11. lol... mal li o título... eu, toda lampeira... a pensar que o Carlos já tinha "descoberto a pólvora"... lol

    Bjos

    ResponderEliminar