sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Crise? Qual crise?

Depois da vinda do Papa, mais uma tolerância de ponto. A NATO paga a despesa?

14 comentários:

  1. Bem, aqui estou como o tolo no meio da ponte, porque não sei o que dizer, Carlos. Se os trabalhadores chegam atrazados, por causa de dificuldades de trânsito em consequência da cimeira ..., penso ser justo, independentemente do que isso envolve. Contudo ..., porque não sairem de casa MUITO MAIS CEDO do que é habitual, movidos pela consciência dos atrazos que possam ocorrer?

    ResponderEliminar
  2. Então para todos os disparates não há crise...

    ResponderEliminar
  3. O país das maravilhas!
    Festa e folguedo que a vida é curta :-(
    Assim vamos lá, ai vamos vamos !

    beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Haveria outra opção, considerando que se trata da cimeira da NATO?

    ResponderEliminar
  5. Num País rico como este, era de esperar outra coisa? Nós pagamos tudo. Juro baixissimo só 7,5%, o que é isso? Com a nossa riqueza nem sei como não pára o País todo!!??? Ah! Por não ser Verão!!!!

    ResponderEliminar
  6. Só não compreendo a razão porque só os prejuízos das greves é que são graves e prejuducam o país, mas serei eu que sou pouco inteligente certamente.
    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
  7. Vem cá a NATO pra irritar o pratonato!!! Se não fosse chato dava pra rir.

    ResponderEliminar
  8. Passei mesmo agora pelo 'Comiberland' e lá estavam eles à porta, a distribuir uns euros para ajudar na crise.
    Tudo boa gente...

    ResponderEliminar
  9. Olha, nem sabia!

    Espero bem que ma concedam, porque bem preciso de um diazinho para mim...

    Beijoca

    ResponderEliminar
  10. Portugal está cheio de tolerâncias, Carlos.
    De ponto e de outros pontos.

    ResponderEliminar
  11. um assunto lateral, se me permite:

    gostaria de um contacto mail do carlos, se possível, por causa do aniversário em Dezembro do 2711 e uma iniciativa que fazemos sempre com os nossos comentadores, leitores, e amigos.

    em2711.contacto@gmail.com

    ResponderEliminar