sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Imagens da nossa memória (6)


A minha mãe, aos 95 anos, ainda sabe a tabuada toda de cor. E vocês, também utilizaram esta tabuada, ou a máquina de calcular?
Imagem anterrior: Rádio

15 comentários:

  1. Que felicidade ter uma mãe com 95 anos!

    ResponderEliminar
  2. Sim uma mãe com 95 anos é muito bom, e com as suas plenas capacidades melhor. Toda a experiência de um século de vida.
    Muito bom.

    ResponderEliminar
  3. Tabuada, cantada, claro ! :))
    ... e os dedos :))
    O que é isso da "máquina de calcular" ? ... uma "modernice" ainda com muito poucos anos de vida.
    Ainda passei pela fase da "Régua de Cálculo", na faculdade, antes das máquinas de calcular ! rsrsrs
    ... e a vaidade de a trazer no bolso da camisa, para que todos a vissem ? ehehehe ... era quase como os médicos andarem com o estetoscópio ao pescoço, por todo o lado ! rsrsrs
    .

    ResponderEliminar
  4. Pois claro! Podia não ser exactamente a mesma edição mas lembro-me bem da "música". :)

    ResponderEliminar
  5. Que bela recordação, do tempo em que a nossa memória era exercitada!
    Parabéns pela Mãe:))

    ResponderEliminar
  6. Não utilizei exactamente essa, mas outra em tudo idêntica.
    A D. Ercilia não brincava... a tabuada era para se saber de cor e salteado... e máquina de calcular nem pensar.

    ResponderEliminar
  7. Pois, tive de a decorar senão ficava de castigo, isto se não levasse uma reguada. Mais uma vez, o brilhante professor Lopes... Como vingança, assim que tive máquina de calcular apaguei a maior parte dos números da minha cabeça, mas a cantilena ainda está cá. :)

    ResponderEliminar
  8. Que sortudo Carlos, ter uma mãe com 95 anos a saber a tabuada de cor é uma benção!
    :))

    ResponderEliminar
  9. Carlos
    As minhas felicitações pelos 95 anos da sua mãe e que tenha saude para continuar a saber a tabuada e naturalmente outras coisas.

    Quando se fala em tabuada tenho sempre um calafrio, porque me lembro sempre da "estória" que já aqui contei a propósito da ardósia ou pedra.
    Curiosamente volto a encontrar aqui uma frequentadora da mesma escola embora com 25 anos de diferença, a da Ordem. Da mesma não, porque na altura ainda iam as meninas par um lado e os rapazes para outro...

    Ah e de tabuada só o básico e a cantilena nunca a aprendi. Maquinas de calcular ainda não estavam inventadas e o velhinho Works, muito mais tarde.

    ResponderEliminar
  10. Esta tabuada ainda existe nos dias de hoje com outro visual...
    Abracinho

    ResponderEliminar
  11. A maioria nem sequer sabe a máquina de calcular de cor...

    ResponderEliminar
  12. Usei pois. E sei a tabuada, sim!

    O mês passado estive a ver a casa Museu João de Deus. Fiz posts sobre o assunto. Lá estava a Cartilha Maternal......

    ResponderEliminar