quarta-feira, 28 de abril de 2010

Assim nasce um boato



No metro, duas senhoras sentadas à minha frente discutem uma notícia de jornal
-Já viste esta pouca vergonha?
-Este país está cada vez pior.
- E é para isto que a gente lhes paga. Ao menos podiam saber comportar-se.
-Olha, eu já deixei de votar há muito tempo. Pelo menos ninguém me culpa de os pôr lá.
- Pois, são todos iguais. Ouvi ontem na rádio que foi por causa das greves. Os comunas é que provocaram tudo, como sempre.
-Ó mulher, aqueles do padreca armam-se em sonsos, mas ainda são piores…
- Quem? Os do Bloco, ou lá como lhe chamam?
-Sei lá como se chamam! São os daquele padreca de óculos, ‘tás a ver?
Logo que comecei a ouvir a conversa percebi qual a notícia que estavam a comentar. É que de manhã, quando a minha empregada chegou e lhe perguntei como estava, respondeu-me:
-Eu estou bom o nosso Portugal é que está cada vez pior
-Então porquê?
-Andaram todos à pancada no Parlamento.Já viu que vergonha?
- Onde é que você ouviu isso?
-Está aqui no jornal, ora veja lá…
Tirou da carteira o Global Notícias e estendeu-mo, ufana, por me estar a dar uma grande notícia em primeira mão.Nem precisei de ler a legenda, que identificava a foto com o Parlamento ucraniano. Bastou-me olhar para a foto da primeira página, para perceber que não podia ser cá.
- Ó mulher, mas isto não é cá?
-Não é cá? Então o Parlamento não é cá?
-Você não leu o que está escrito por baixo da fotografia?
-Não. Só li “Pancadaria no Parlamento” que é o que vem escrito na fotografia e pensei que fosse cá.
-Ó senhora mas há parlamentos em todo o mundo!
-Mas este jornal é português e se fala de Parlamento devia ser o nosso, não é?
-Valha-me Santa Engrácia. Então você vê uma fotografia , não lê o que está escrito por baixo e começa por aí a dizer que o nosso país está uma vergonha? É assim que se lançam boatos, já viu?
- Eu, não!!!! Olhe que as minhas colegas na camioneta hoje vinham todas a falar da mesma coisa e a dizer que "o nosso Portugal" está uma vergonha.
-Porquê? Porque os deputados andaram à pancada no Parlamento?
-Pois… Eu acho que foi por causa disso.
Suspirei fundo e comecei a tomar o pequeno almoço. Podia responsabilizar o analfabetismo dos portugueses pela boataria e pela crise, mas seria injusto. Não só a Dona Manuela - que tem curso superior- se fartou de lançar boatos, quando era líder do PSD, como também as agências de “rating” fazem a mesma coisa, lançando ataques especulativos contra Portugal.
Assim, penso que é mais justo culpar os economistas e o sector financeiro pela desgraça em que estamos a mergulhar. São eles os verdadeiros culpados pelos dias negros que se avizinham para todos nós. Espero é que tudo não passe de um boato...

5 comentários:

  1. Essas conversas são um mimo. Quase tão boas como as baboseiras que os meus sogros dizem. Quanto ao resto, subscrevo.

    ResponderEliminar
  2. Este último era bom que fosse um boato, mas dias negros, vão ser muito mais, do que palavras.

    ResponderEliminar
  3. Está nos genes dos portugueses interessarem-se mais pelas notícias "escandalosas", pelos acidentes em que haja sangue, pelas doenças fatais,..., do por aquilo que ainda vai acontecendo de bom. Não há volta a dar, só entende quem se preocupa em entender, os jornalistas sabem isso e alguns usam esse conhecimento para????

    ResponderEliminar
  4. Seria bom que fosse boato, mas acho qu é, infelizmente, bem mais do que isso.

    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
  5. Esperamos todos!

    A imagem está muito gira. E o desenrolar dessas conversas até seria hilário, se não demonstrasse a ignorância de um povo...

    ResponderEliminar