quarta-feira, 28 de março de 2018

É no que dá ouvir os conselhos do Abrunhosa





Portugueses gastam 27 milhões de euros em Viagra ( Capa do CM);

Só nos três primeiros meses de 2018, a DECO recebeu pedidos de ajuda de 7400 famílias sobre endividadas ( notícia RTP)
Isto anda tudo ligado. Eu sempre disse que aquela canção do Abrunhosa ( E agora que fazer? Talvez f....)  não devia ser levada à letra.

14 comentários:

  1. Aposto que tanto consumo fez crescer a dívida externa e não aumentou a natalidade.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Parece que são os comunistas russos que comem as criancinhas ao pequeno almoço, Bea

      Eliminar
  2. Até o sangue português está a ficar mais frio! Oh! :((

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já não há portugueses como antigamente, Catarina:-)

      Eliminar
  3. O pior é que muitos destes comprimidos são comprados na net e já foi alertado que a maioria dos medicamentos na net são falsificados e alguns bem perigosos. Ainda ontem vinha a notícia num jornal que entre as 30 marcas mais falsificadas esta estava em 17º. lugar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fartei-me de lançar alertas sobre isso, Anfitrite, mas os tugas vêem comprimidos azuis e, só por sugestão, ficam logo operacionais

      Eliminar
  4. Até o sexo está caro, caraças!! :))))
    Aquele abraço, votos de Santa Páscoa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro e, avaliar pela taxa de fertilidade, pouco produtivo, Pedro

      Eliminar
  5. O sexo só está caro para os homens mais velhos.
    Ou será que os homens alemães têm outro potencial?

    Aquele abraço ao Abrunhosa!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E para mim nem um abracinho, Teresa!
      Eu sei que sou velho, mas não conheço os efeitos do Viagra. Páscoa Feliz

      Eliminar