sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Memórias em vinil (CCLXXXVII)


Já era altura de Sir Leonard Cohen voltar a aparecer por aqui, não era?
Então boa noite, bom fim de semana e dancem muito.

Palavras cruéis como punhais

"Se eu morrese e voltasse a nascer podia ser outra vez um menino normal"
Desabafo de uma criança de seis anos, violada sucessivas vezes numa casa onde estava o seu próprio pai.

Aos homens do meu país!

Uma publicação australiana insinuava que as acusações de assédio sexual de tempos de antanho, que estão a abalar os EUA,  foram decididas e combinadas em  reuniões de mulheres que terão decidido vingar-se de algumas figuras públicas que lhes terão prometido trabalhos em troca de favores sexuais, mas não cumpriram a promessa.
Eu creio que não deve haver nenhum português que nunca tenha sido vítima de assédio sexual, por parte de alguém que pretendia uma promoção, um emprego, ou apenas porque lhe apetecia passar uns bons momentos na companhia da vítima
Sugiro por isso, aos homens do meu país, que comecem a reunir-se em jantares para denunciar as mulheres que os assediaram e o que pretendiam em troca. 
É que, estou em crer, não tarda nada algumas mulheres portuguesas vão começar a refrescar a memória e a queixarem-se de terem sido assediadas por algumas figuras mais ou menos públicas. Por isso, mais vale prevenir do que remediar...