terça-feira, 23 de maio de 2017

Memórias em vinil (CXL)

 O sucesso dos ABBA que escolhi para esta noite tem muito a ver com o post desta manhã. 
Tenham uma boa noite, com RICOS sonhos.

Leva lá a bicicleta, Pedro!




Marcelo Rebelo de Sousa percebeu, finalmente, que Passos Coelho estava a precisar de colinho.
 No dia em que Bruxelas anunciou a saída de Portugal do procedimento por défice excessivo, deu os parabéns ao governo e a Passos Coelho pelo sucesso alcançado. 
A pedagogia da intervenção de MRS fez-me lembrar a do tipo que, já farto da choraminguice e lamentações do amigo, por ser incompreendido por toda a gente e ninguém lhe dar razão nem reconhecer os seus méritos, um dia desabafa:
- Está bem, tens toda a razão, leva lá a bicicleta!
Ao ouvir as palavras de Marcelo, Passos Coelho abriu a boca de orelha a orelha, num sorriso que já não se lhe  via há muito.
Caso para dizer:
-   Leva lá a bicicleta Pedro, mas tem cuidado. Não te estampes.

Gato escondido...



Os bancos portugueses ficaram  escaldados com os incumprimentos do crédito à habitação.  Agora, que a recuperação económica  é  visível e os portugueses parecem querer voltar a endividar-se como se não houvesse amanhã, é natural  e saudável que  não queiram cometer o mesmo erro de anos anteriores e se tornem mais exigentes e cautelosos na concessão de crédito.
Alguns bancos estrangeiros viram na prudência dos bancos portugueses uma oportunidade de negócio e decidiram entrar nesse apetecível mercado, outrora "reservado" aos bancos nacionais .
É óbvio que esses bancos não concedem créditos a quem queira comprar um T0 na Reboleira. Os clientes que lhes interessam são os que têm mais olhos que barriga e pretendem empréstimos para adquirir casas  em locais considerados de alta rentabilidade.
É que os bancos olham para estes clientes como potenciais incumpridores e o aliciante de poderem vir a ficar com as casas e (re)vendê-las por um preço interessante a clientes estrangeiros que pretendam investir em imobiliário em Portugal é visto como uma boa oportunidade de negócio.