sábado, 11 de março de 2017

Chazinhos da Paróquia(8)



A Primavera está à porta, o tempo começa a convidar a uns passeios e os Chazinhos dão muito trabalho...
Assim, a partir desta semana, começam a ser servidos em passo de corrida. Mas calma aí, porque ainda não estamos na época do Ice Tea com muito gelo, ok?
Este fim de semana proponho uma ida até Braga, onde não faltam motivos de interesse. Passeie pelo centro histórico, visite a Sé, mas arranje um tempinho para ir até aqui.
Para melhor desfrutar da paisagem, almoce no restaurante do Hotel do Elevador e junte o útil ao agradável.

Se quer aproveitar o fim de semana ao máximo, dê uma saltada até Arcos de Valdevez e aproveite para assistir ao "Fado Violado", espectáculo inserido no Festival Sons de Vez que decorre atá ao final de Março É na Casa das Artes às 23 horas.
Uma ida ao Minho tem a vantagem acrescida de poder desfrutar de muitas coisas em localidades diferentes, porque fica tudo muito perto. Assim, sugiro-lhe que reserve um tempo para uma refeição em Barcelos. É que, durante este fim de semana, o galo de Barcelos terá destaque nas ementas dos restaurantes. Pode prová-lo em arroz de cabidela, pica no chão e muitas outras variedades gastronómicas. 
Não pode ir a Barcelos este fim de semana? Então vá no próximo e delicie-se com o fim de semana dedicado às papas de sarrabulho e aos rojões à minhota. Já estou a salivar!
Se à noite lhe apetece ficar por Braga,  sugiro-lhe que vá espreitar a movida bracarense. Eu fui há uns meses e fiquei agradavelmente surpreendido.
Para passar a noite sugiro-lhe o Hotel do Parque, onde pernoitei, mas afiança-me pessoa amiga que o novo Sé Inn é  espectacular.
Prefere ir a Guimarães? De acordo. Há muita coisa boa para ver por lá, mas o que eu nunca faria era misturar Braga e Guimarães nos mesmo Chazinhos, para evitar misturas explosivas. 
Fica prometido para uma próxima  oportunidade
Filme : Toni Erdmann o principal favorito ao Óscar para melhor filme estrangeiro, até Trump interferir na jogada e oferecer o Óscar ao iraniano Ashgar Farhadi
Toni Erdmann é um filme alemão e, por isso, um bocado estranho. Rimo-nos, mas logo de seguida começamos a duvidar se não devíamos ter chorado. E vice versa
Se está no Porto, lembre-se que este é o últiimo fim de semana do Fantasporto

Livro: Tenho Cinco Minutos para contar uma história ( Fernando Assis Pacheo)

 Exposição: Almada Negreiros ( Gulbenkian) 
Em alternativa vá até ao Palácio Pimenta ( Museu da Cidade) no Campo Grande ver a exposição  de uma Lisboa sonhada  (projectos para Lisboa que nunca se realizaram) Vai surpreender-se!
E pronto, por hoje é tudo. Bom fim de semana.