sábado, 7 de outubro de 2017

Lição da semana

As pessoas só se indignam com os políticos corruptos, quando eles fazem mal o seu trabalho. E não estou a pensar apenas em Isaltino, eleito para presidente da Câmara no concelho mais jovem e mais instruído do país.
Lula da Silva está destacado à frente das sondagens para as eleições presidenciais brasileiras de 2018.

9 comentários:

  1. É uma critica que o brasileiro esteja à frente das sondagens para as eleições presidenciais no Brasil em 2018?
    Não compreendo, porque o Carlos SEMPRE defendeu o Lula com unhas e dentes.

    Continuação de um bom dia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é uma critica, Teresa. É uma constatação. Sempre defendi Lula e continuo a fazê-lo, porque foi um grande presidente que sempre

      Eliminar
    2. Esteve do lado dos mais pobres e desfavorecidos. Como Hugo Chavez na Venezuela..No entanto, a confirmar-se a condenação de Lula à sua vitória nas presidenciais de 2018 permite fazer a comparação com Isaltino. Se votasse nas presidenciais brasileiras, obviamente que não votaria nele, enquanto a sua inocência não fosse confirmada. Porque mais vale prevenir do que remediar e não me parece que, ser de esquerda, seja uma carta de alforria para ser corrupto.Boa estadia na nossa cidade.

      Eliminar
  2. Para além da incoerência que a Teresa lhe apontou, há duas outras coisas que lhe quero apontar:
    - a sentença de Lula carece de ser confirmada pelo Tribunal Regional Federal
    - Lula não está para o Brasil, como Isaltino está para Oeiras

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se ler a minha resposta à Teresa, perceberá que não há nenhuma incoerência, mas não tenho pala os olhos, o que me permite analisar situações independentemente das ideologias. claro que não se pode compara Lula com Isaltino. Logo à partida porque um e presidente de um país e o outro apenas presidente de Câmara.

      Eliminar
  3. "As pessoas só se indignam com os políticos corruptos, quando eles fazem mal o seu trabalho."
    Frase cristalina e passível apenas de uma leitura elementar: ambas as personagens foram acusadas de corrupção, uma com uma acusação efetiva e outra em curso. Ambas as personagens consquistam simpatias eleitorais, logo...foi meritório o seu trabalho.
    Ou seja, não vejo, particularmente neste post, nenhuma defesa do Carlos, constata apenas.
    Concluo eu: o povo é burro? Mas o seu voto é soberano. Dá raiva, mas é a democracia a funcionar.

    ResponderEliminar