sexta-feira, 14 de julho de 2017

Com o freio nos dentes



Depois de conhecer melhor os contornos da sentença que condenou  Lula a nove anos e meio de prisão e de constatar a forma cirúrgica como a justiça está a actuar em Portugal, não vou escrever que até nisso somos irmãos. Tenho é muito medo desta justiça que tomou o freio nos dentes, porque se há coisa que ainda receio mais do que uma ditadura, é um estado justicialista travestido de democracia.

1 comentário: