sábado, 3 de junho de 2017

Lição da semana (1)





Esta semana, quando preenchia o boletim do Euromilhões, "aprendi" que não queria ganhar  o primeiro prémio. 
Na verdade,  não seria mais feliz se ganhasse 152 milhões.  
A única coisa para que me serviriam, seria para fazer outras pessoas felizes, mas isso ir-me-ia dar imenso trabalho, pois distribuir dinheiro  com critério e justiça  não é nada fácil e, por nada deste mundo, entregaria essa tarefa a terceiros.
Se depois de aprender esta lição vou  continuar a jogar, é pelo prazer que me dá ganhar pequenos prémios que vou acumulando ao longo do ano e com os quais vou fazendo algumas extravagâncias que me dão verdadeiramente prazer.
Ontem, engordei o meu porquinho "Patinhas" com mais 24 € .

6 comentários:

  1. Excelente lição!
    Penso precisamente o mesmo que o Carlos. Ser o único totalista do Euromilhões, seria adquirir uma enorme preocupação para o resto da vida. Fico sempre extremamente contente quando me saem 8,00 €. O maior prémio que já me saiu!
    Um abraço e bom resto de fim de semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Felicidade é termos alegria com as pequenas coisas, por isso, também me sinto feliz sempre que me sai um pequeno prémio.
      Boa semana, Janita

      Eliminar
  2. Ganhar 152 milhões seria fabuloso.

    Para ganhar apenas 8€ ou 24€, não jogo. E no meu "patinhas" entra o dinheiro que poupo em não jogar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também é uma maneira de poupar, mas não jogando, perde a alegria de um pequeno prémio, como a Janita eu

      Eliminar
  3. Eu bem digo que sou totó,no meu post de hoje, porque ninguém me pediu coisíssima alguma para preencher...
    Bem, eu também acho que lidar com 152 milhões de euros seria uma trabalheira imensa. E assustador.
    Boa semana, Carlos.
    Beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assustador é mesmo a palavra exacta, Célia.
      Boa semana. Beijinho

      Eliminar