terça-feira, 30 de maio de 2017

Maria Viera, o suprassumo da inteligência



Maria Vieira acusou Salvador Sobral de ser um "idiota encartado" por causa destas declarações.
Atendendo a que Maria Vieira, conhecida por Parrachita, é o suprassumo da inteligência, um portento na arte do humor e publica livros que são escritos pelo marido, Salvador Sobral deve ter ficado muito abatido com a crítica.
Pela minha parte, porque subscrevi as palavras de Salvador Sobral, não me sinto atingido com as palavras da "execrável Parrachita" (AnaBola dixit), mas gostaria muito de saber por onde andará Maria Vieira, essa humorista "criada" por Herman José que desconhece a sabedoria popular e quis tocar rabecão, em vez de ficar a coser meias solas.
É que depois de ter cuspido na mão que lhe deu de comer, nunca mais ouvi falar da criatura, a não ser no dia em que teceu rasgados elogios a Donald Trump.

8 comentários:

  1. Sabe, Carlos? Existem pessoas que adoram ser faladas nem que seja pelos piores motivos. Provavelmente, a 'Parrachita' sente falta dos velhos momentos de glória - salvo seja - enquanto trabalhou nos programas televisivos do Herman. Isso, até ele lhe arranjar uma breve aparição deitada no chão e com duas ou três falas...deve ter ficado traumatizada, coitada!

    ResponderEliminar
  2. Apesar de, como todos nós, ela ter direito à sua opinião e ter também direito a que ela seja respeitada... sou obrigada a reconhecer que a actriz não tem estado nada bem nas declarações/opiniões que tem emitido.
    Mas olha que não é apenas ela que desconhece a sabedoria popular... porque com o advento das redes sociais em que "toda a gente" tem de falar sobre tudo e ter opinião sobre tudo, só mesmo uma ínfima parte do que é escrito é feito por quem sabe mesmo tocar rabecão.
    Nunca a canção (que tantas vezes cantei) dos Green Windows teve tanto significado como nos dias de hoje.

    Beijinhos ensonados
    (^^)

    ResponderEliminar
  3. Esta foi das tais que nunca me enganou.
    Idiota e esganiçada.

    ResponderEliminar
  4. Um dos males dos nosso dias é a facilidade com que toda a gente tem tempo de antena para dizer disparates... Longe vão os tempos em que se era famoso por se ter opiniões e tecer comentários informados. Agora dá-se mais tempo de antena, tanto mais escabrosa for a declaração.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A concorrência das publicações e programas de má língua é muita, por isso, há que replicar qualquer disparate, para dar nas vistas.

      Eliminar