terça-feira, 23 de maio de 2017

Gato escondido...



Os bancos portugueses ficaram  escaldados com os incumprimentos do crédito à habitação.  Agora, que a recuperação económica  é  visível e os portugueses parecem querer voltar a endividar-se como se não houvesse amanhã, é natural  e saudável que  não queiram cometer o mesmo erro de anos anteriores e se tornem mais exigentes e cautelosos na concessão de crédito.
Alguns bancos estrangeiros viram na prudência dos bancos portugueses uma oportunidade de negócio e decidiram entrar nesse apetecível mercado, outrora "reservado" aos bancos nacionais .
É óbvio que esses bancos não concedem créditos a quem queira comprar um T0 na Reboleira. Os clientes que lhes interessam são os que têm mais olhos que barriga e pretendem empréstimos para adquirir casas  em locais considerados de alta rentabilidade.
É que os bancos olham para estes clientes como potenciais incumpridores e o aliciante de poderem vir a ficar com as casas e (re)vendê-las por um preço interessante a clientes estrangeiros que pretendam investir em imobiliário em Portugal é visto como uma boa oportunidade de negócio.

2 comentários:

  1. Se é verdade que já havia um tema chamado money, dos floyd, e outro de um musical, salvo erro com a Lisa Minelli, os Mucky Pup fizeram na decada de 80 o tema mais directo ao assunto em que a letra era mais ou menos isto:

    -we just want your money, money, money (...)

    Curiosamente, embora o tema fosse acerca acerca da "mama" dos pregadores evangélicos norte americanos (abria com um discurso de um pregador que falava das agruras da vida e de que havia um sitio onde todos eram bem vindos e onde não se pedia nada em troca... Excepto dinheiro, claro!), aplica-se bem aos bancos...

    Abraço

    :)

    ResponderEliminar
  2. O mundo anda cada vez mais podre.

    ResponderEliminar