sábado, 1 de abril de 2017

Celebrando o Dia das Mentiras


No âmbito das celebrações do Dia das Mentiras que hoje se assinala, presenteio-vos com este belíssimo video evocativo de um dos maiores mentirosos que Portugal já conheceu
Reconheço que não deve ser fácil viver em permanente conflito com a Verdade, por isso lhe presto esta singela, mas merecida,  homenagem num dia feito à sua medida.
Aviso: em virtude de ser Dia das Mentiras e também porque hoje todos os caminhos parecem ir dar à luz, esta semana não haverá Chazinhos. 
Sugiro-vos que aproveitem para reler os anteriores e aproveitarem algumas das ideias que vos deixei. 
Em alternativa, recordo-vos que só têm até amanhã para fazer este programa

5 comentários:

  1. Pois, não sei o que acontece na Luz mas deve ser futebol ou não arrancaria tanta gente que até os caminhos todos lá vão dar (não diria todos, mas há muitos que todos os dias e em todos os momentos lá vão dar). Acredito que seja um dia especial. Talvez o Benfica possa, já hoje, ser campeão.
    Quanto ao Lumiar...por lá fica à minha espera para a visita das quintas que nem sei onde ficam. E parecem valer a pena, sim. Se for, há-de ser noutra altura, que hoje não me apetece. E nem amanhã. E se nunca as chegar a ver, paciência.
    Mas agradeço o renovar da sugestão.

    ResponderEliminar
  2. Mal empregada canção desperdiçada em tema tão rasca.

    O Carlos não rumou à Luz, suponho. Fez bem. Sujeitava-se a apanhar com uma das 500 bolas de ping-pong...Sabia?

    ResponderEliminar
  3. Fugiu-lhe a boca para a verdade. Os benfiquistas só atiram bolas de ping-pong!

    ResponderEliminar
  4. Só agora é que fiquei a saber a causa da ausência do cházinho.

    Felizmente que continuamos a tomar o cházinho na paróquia e não num dos bordéis financiados pela União Europeia, tendo como chefe o nosso Martin Schulz.

    ResponderEliminar