quarta-feira, 15 de março de 2017

Espiões tecnológicos



Há dias ri-me a bandeiras despregadas com aquela ajudante de Trump que. acusava  Obama de ter feito espionagem  nas Trump Towers  com um microondas.
Cheguei a ironizar, escrevendo que Cavaco Silva se tinha autoflagelado por não se ter lembrado disso quando escreveu o livro. Teria sido uma excelente justificação para as escutas em Belém e mais credível do que a historieta infantil que inventou.
Pois hoje quero.me penitenciar e pedir desculpas à senhora. Afinal, se andam por aí vibradores a espiar os proprietários e utilizadores, as insinuações sobre os microondas não são assim tão descabelados.
James Bond deixou de ser ficção!

7 comentários:

  1. hoje perdi a minha reputação ao pôr essa notícia no meu FB, para que para que tivessem cuidado com a IA. realmente estamos no admirável mundo novo. e AINDA HÁ QUEM SE PREOCUPE COM A SUA PRIVACIDADE. Ó Carlos mas acho que o James Bond existiu.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exisiu, sim ( embora com outro nome) e viveu aqui no Hotel Palácio do Estoril, mesmo ao pé de minha casa.

      Eliminar
  2. A comicidade dessa do microondas e de tudo o que se relaciona com Trump chegou a um nível que chega a ser “quase” irreverente! : ))

    Chegou a ver este vídeo? https://www.youtube.com/watch?v=3ZwJ0__JiQ0

    No vídeo do Daily Show (muito bem feito; não o consigo encontrar) que passou na CNN, o Prof Kelly é Sean Spicer; a garota tem o rosto de Trump, o bebé tem a cara de Ben Carson. E a mãe? Kellyanne Conway!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O video que me envia e o outro que se lhe seguiu com a família toda, já vi. Agora fiquei curioso com esse do Daily Show, mas pode como o vejo às vezes nos canais cá do burgo, pode ser que ainda o apanhe.

      Eliminar
  3. Ainda bem que colocou o desenho com legenda; nem conto o que pensei que era.

    ResponderEliminar